Comissão de Catástrofes Climáticas visita Ilhota

Prefeito Ademar Felisky

A Comissão Especial de Medidas Preventivas diante de Catástrofes Climáticas, formada por deputados federais, visitou a cidade de Ilhota na manhã desta terça-feira (26). Presidida pela parlamentar Perpétua de Almeida, a comitiva tem como principal objetivo conhecer os problemas decorrentes da tragédia de novembro de 2008, bem como verificar de que forma os governos estadual e federal poderão auxiliar os municípios no caso de novas calamidades.

Na oportunidade, o prefeito Ademar Felisky contou aos presentes como ocorreu a catástrofe e de que forma a prefeitura agiu pra que a cidade fosse uma das que mais rapidamente se reergueu. “Com certeza ainda temos muito a fazer. Precisamos trabalhar mais a prevenção, mas para isso precisamos de recursos. Estamos fazendo, em parceria com o CEPED da UFSC, o mapeamento das áreas de risco, mas somente isto não é suficiente”, ressaltou.

Outros projetos, segundo o coordenador da Defesa Civil, Paulo Drun, aguardam investimentos dos governos estadual e federal. “Queremos que os moradores da margem esquerda possam ter celulares e telefones fixos. Um dos nossos grandes problemas ainda hoje é a comunicação. Se ocorrer uma nova tragédia, eles estarão novamente incomunicáveis”.

Conforme Paulo, a prevenção deve ser prioridade na distribuição de recursos. Prova disso é o resultado do projeto Jaica, que será apresentado em maio na Assembléia Legislativa, onde se comprova que enchentes semelhantes a de 1983 acontecem a cada 30 anos. “Portanto, se a previsão se confirmar, seria daqui dois anos”, explica.

Participam da comissão também, e estiveram presentes na reunião, os deputados Onofre Santo Agostini, Glauber Braga e Maria Luci Silva. Após a visita ao gabinete do prefeito, os membros seguiram para o Complexo do Baú, onde foram conhecer de perto a realidade da cidade.

Anúncios

CISP se reúne nesta quarta-feira

Logo da Comissão Intermunicipal de Segurança Pública - Cisp
A Reunião da Comissão Intermunicipal de Segurança Pública (CISP) vai ser realizada nesta quarta-feira, dia 27, às 9h na Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú, com a seguinte pauta:
  1. Etapas do Consórcio Regional;
  2. CIP Regional;
  3. Mobilização por mais policiais;
  4. Elaboração de um plano emergencial de Combate ao Crack;
  5. Informes Gerais.
Para mais informações, com Sr. Santiago Martin Návia (cpolmartin@gmail.com).

Câmara quer criar Parlamento Jovem

O município de Ilhota se planeja para implantar, ainda este ano, o programa Parlamento Jovem, que visa envolver os jovens com idade entre 12 e 15 anos nos bastidores da política.

A ideia de iniciativa do vereador Roberto Prebianca já foi transformada em Projeto de Lei e está em apreciação na Câmara de Vereadores da cidade. O objetivo é de que até agosto deste ano sejam eleitos os primeiros jovens para compor o parlamento.

O projeto funcionará de forma semelhante ao Vereador Mirim, com eleição de um representante de cada escola para compor uma Câmara Jovem, que fará sessões, elegerá sua mesa diretora e poderá propor projetos de lei e requerimentos. “Este projeto é importante por o município precisa educar seus jovens desde pequenos, para que aprendam e entendam como funciona a política e quais são as responsabilidades dos diferentes poderes – Executivo, Legislativo e Judiciário”, explica o vereador autor da ideia.

Para o secretário de Educação de Ilhota, Raul dos Santos, o projeto é válido pois irá despertar as futuras lideranças da cidade. “Já conversamos com os vereadores sobre esta ideia e fizemos algumas sugestões. Estamos implantando nas escolas os grêmios estudantis e acredito que o Parlamento Jovem será mais uma ferramenta para incentivar a participação das lideranças jovens”, destaca o educador.

Fonte: Publicado na edição 1286 do jornal Cruzeiro do Vale.

Espetáculo da Paixão emociona

O espetáculo da Paixão de Cristo emocionou a todos os moradores da cidade de Ilhota que foram conferir a encenação teatral preparada pelo Grupo de Teatro da cidade em homenagem à Páscoa.

O teatro foi apresentado ao ar livre, na principal praça de Ilhota, na noite de sexta-feira, 22, dia de comemoração da morte de Cristo. O público superou as expectativas dos organizadores, que ficaram satisfeitos com o resultado da apresentação. Os atores da peça ensaiaram durante semanas para garantir a perfeição do espetáculo, que surpreendeu a todos que foram conferir a encenação da história da morte e ressurreição de Cristo.

Fonte: Publicado na edição 1286 do jornal Cruzeiro do Vale.

Escola de Ilhota faz homenagem às vítimas do Rio de Janeiro

Para comemorar a Páscoa, os alunos da Escola Municipal Domingos José Machado, de Ilhota, realizaram na manhã da última quarta-feira, 20, uma apresentação cultural. O momento marcante da apresentação foi à homenagem aos estudantes mortos no Rio de Janeiro. “Para o professor Claudio Lamim, a intenção era transmitir amor, fraternidade, solidariedade e união aos envolvidos na tragédia”, destacou o coordenador da juventude, Dialison Cleber Vitti. Na ocasião, os alunos receberam uma cesta de páscoa e os professores uma lembrança simbolizando a data.

Fonte: Publicado na edição 1286 do jornal Cruzeiro do Vale.

Audiência pública da ALESC aumenta pressão por segurança

Audiência pública da ALESC aumenta pressão por segurança

O secretário garantiu a antecipação para agosto do ingresso de 500 policiais, com formação prevista para o final do ano. Também foi autorizada a formação de 80 policiais militares em núcleo da escola da PM, a ser ativado em Blumenau. Confirmou ainda o estudo para instalação de mais 50 câmeras de monitoramento. Garantiu, por fim, recursos para a conclusão das obras do novo prédio da Delegacia Regional.

Na audiência pública promovida nesta segunda-feira (25) pela Assembléia Legislativa na Câmara de Vereadores de Blumenau, o secretário estadual, César Grubba, reconheceu que segurança é prioridade do governo, mas que é impossível atender a todos ao mesmo tempo. Como consequência, revelou que em quatro meses já foi notificado por quase 80 mandados de segurança e 16 ações civis públicas de diversas regiões.

Audiência pública da ALESC aumenta pressão por segurança

Grubba relatou as dificuldades enfrentadas e a burocracia que atrasa o processo licitatório para novas obras na área. O secretário admitiu ser grande a defasagem de contingente nas policias civil, militar, Instituto Geral de Perícias (IGP) e Corpo de Bombeiros. Além disso, lembrou que as últimas nomeações da polícia civil integram a terceira etapa de um concurso realizado em 2008.  Disse também que os 202 policiais nomeados na semana passada fizeram concurso regionalizado e não podem ser remanejados das cidades de origem.

O secretário garantiu que o governo vai melhorar a segurança pública de Santa Catarina. Uma das medidas voltadas a este objetivo foi a antecipação para agosto do ingresso de 500 policiais na academia de polícia, com formação prevista para o final do ano. Também foi autorizada a formação de 80 policiais militares em núcleo da escola da PM a ser ativado em Blumenau. Ao mesmo tempo, confirmou o estudo para instalação de mais 50 câmeras de monitoramento, que funcionarão em novo local, junto com a central regional de emergência. Garantiu ainda os recursos para a conclusão das obras do novo prédio da Delegacia Regional.

Audiência pública da ALESC aumenta pressão por segurança02O comandante Geral da PM, Coronel Nazareno Marcineiro, após admitir que “foi negligenciada a atenção ao município nos últimos anos”, confirmou os números oficiais: no final de julho, o 10º Batalhão receberá 49 policiais militares, que deverão completar o ciclo de capacitação em três meses. Ao mesmo tempo, outros 49 policiais iniciarão a escola de formação em Florianópolis. Também confirmou a publicação, até outubro, do edital para recrutamento e seleção de outros 80 policiais que deverão ser destinados em sua totalidade a Blumenau.

O Delegado Geral da Policia Civil de Santa Catarina, Aldo Pinheiro D’Ávila, esclareceu a polêmica em torno da distribuição dos 202 policiais ocorrida na semana passada. Disse que os mesmos formam a terceira parte de um concurso regionalizado, realizado em 2008. Em função da regionalização, Blumenau recebeu um total 23 policiais durante o período. Ao mesmo tempo, anunciou que os próximos concursos serão estadualizados para evitar este tipo de problema.

Audiência pública da ALESC aumenta pressão por segurança01'O delegado, contudo, não soube precisar o número de agentes e escrivãs que reforçarão o contingente da Polícia Civil de Blumenau. Ele apenas anunciou que o grupo gestor e o governo do estado estudam a antecipação de nomeação de aprovados em concurso, que poderá acontecer na seguinte ordem: 90 agentes em 2011, 90 em 2012 e 90 em 2013.

O presidente da Câmara de Vereadores de Blumenau, Jovino Cardoso Neto (DEM), declarou que “a insegurança tem tomado conta do município. Temos uma expectativa e esta tem nos deixado frustrados”. Ele argumentou que a sétima região, composta por 14 municípios, receberá 178 policiais, conforme declarações feitas durante a reunião, mas questionou quantos ficarão na cidade. “Estamos cobrando do governo porque somos a terceira economia de Santa Catarina e não podemos continuar com fechamento de duas delegacias e baixo efetivo das polícias civil e militar”, assinalou.

Jovino informou que através de um abaixo assinado com quase 10 mil assinaturas foi protocolada uma ação civil pública solicitando a permanência em Blumenau de policiais civis e militares em números condizentes com a necessidade da comarca. O parlamentar lembrou que em 2006 Blumenau possuía 348 policiais militares, sendo que atualmente conta com 280, o que significa que para cada 1.100 habitantes há um policial militar. Ainda citou haver profissionais de férias ou afastados por problemas de saúde, o que deixa apenas um policial por turno para cada seis mil habitantes. Ao mencionar a quantidade de policiais civis por habitantes, Jovino apontou haver 80 para 320 mil, enquanto a cidade de Itajaí possui 80 policiais para 170 mil habitantes.

Audiência pública da ALESC aumenta pressão por segurança04Quanto às câmeras de segurança, relatou que o município tem um total de 36, sendo que 34 estão localizadas no centro e as outras duas na Vila Itoupava. “Precisamos, no mínimo, de 150 câmeras de vigilância para atender os corredores de serviço e cruzamentos, que podem garantir nossa integridade”, reivindicou. Além disso, ele destacou que o Presídio Regional de Blumenau tem quase mil detentos enquanto a capacidade é para 360. Também salientou a necessidade de mais efetivo no Corpo de Bombeiros.

O presidente da ACIB, Ronaldo Baumgarten Júnior, destacou que o comandante geral da PM foi feliz ao admitir que a cidade vem sendo maltratada ao longo dos últimos anos. E foi enfático ao se dirigir ao secretário de segurança: “Eu lhe peço tratamento diferenciado ao Vale do Itajaí porque suportamos oito anos de abandono do governo Luiz Henrique e não vamos suportar quatro anos de abandono de Raimundo Colombo”.

O secretário da SDR Blumenau, César Botelho, enalteceu a atitude de Grubba ao vir a cidade depois de quatro meses a frente da pasta estadual de segurança pública. “No governo do Luis Henrique, em oito anos, a autoridade competente não apareceu no município. O senhor está ouvindo a comunidade com respeito. Está dando a cara pra bater. Toda a região vive um momento delicado. Precisamos ser tratados de forma diferenciada pelo que contribuímos. Blumenau precisa de mais policiais, equipamentos e viaturas”.

Ação civil pública

Na semana passada a Câmara de Vereadores de Blumenau entregou oficialmente ao promotor Flavio Duarte um abaixo-assinado com dez mil assinaturas, que serviu para embasar ação proposta pelo Ministério Público contra o governo do estado, pela falta de providências na área de segurança pública. Conforme a ação, o governo terá prazo de 90 dias para mudar o quadro. Se não cumprir o prazo, pagará multa diária, cujos valores serão destinados ao Fundo Municipal de Segurança.

Fonte e fotos da Assessoria de Imprensa da Câmara de Vereadores de Blumenau.

Google admite que faz rastreamento de usuários de Android

Google admite que faz rastreamento de usuários de Android

Empresa diz que monitora os movimentos dos usuários para fornecer serviços customizados, mas não vincula os dados a um usuário específico.

Logo após a revelação de que a Apple rastreia seus usuários por meio do iPhone, o Google anunciou que também acompanha seus usuários de smartphones baseados em Android.

Segundo o site Geeky Gadgets, um porta-voz da empresa explicou que o Google monitora os movimentos de seus usuários apenas para fornecer serviços customizados como mapas e buscas, além de estudar o tráfego. “Todos os dados de localização que são enviados de volta para os servidores do Google são anônimos e não estão vinculados a um usuário específico”, explicou o executivo.

Usuários de Android e iPhone que quiserem optar por não participar da coleta de dados devem desativar os serviços de localização em seus telefones. A desativação, no entanto, limita algumas funções dos celulares, como localizadores de estabelecimentos próximos.

O armazenamento de dados da movimentação do usuário por dispositivos como iPhone e iPad é causado, na verdade, por um bug no sistema. O rastreamento foi revelado por dois especialistas de segurança na  última quarta-feira (20/4), que afirmaram que a Apple poderia usar os dados para fins lucrativos.

Bolsistas do ProUni terão mais tempo para concluir o curso universitário

Bolsistas do ProUni terão mais tempo para concluir o curso universitário

O governo federal anunciou nesta segunda-feira (25/4) a ampliação do prazo para estudantes bolsistas do Programa Universidade para Todos (ProUni) se formarem. Conforme a Portaria Normativa nº 9 do Ministério da Educação, os bolsistas do programa terão duas vezes o período mínimo do curso de graduação para se formarem; antes o prazo era de uma vez e meia. Com isso, os estudantes ganham mais tempo para concluírem a graduação utilizando a bolsa de estudos do ProUni.

Com a mudança, por exemplo, o bolsista de um curso regular de quatro anos, que antes teria até seis para se formar, passa a ter oito para concluir a graduação. A medida dá ao estudante que eventualmente não consiga terminar o curso no tempo regular — por necessidade de trancamento ou outros motivos — o direito à bolsa até a conclusão dessa etapa dos estudos.

De acordo com a nova regra, no caso de bolsa concedida para curso na qual o estudante beneficiário já estiver matriculado, será deduzido do prazo o período cursado antes da concessão da bolsa.

Criado em 2004, o ProUni oferece bolsas integrais e parciais (50% da mensalidade) a estudantes em instituições particulares de educação superior. Desde então, 863 mil estudantes foram contemplados com bolsas de estudos.

Fonte: Blog do Planalto.

Espetáculo da Paixão emociona

Espetáculo da Paixão emociona

O espetáculo da Paixão de Cristo emocionou a todos os moradores da cidade de Ilhota que foram conferir a encenação teatral preparada pelo Grupo de Teatro da cidade em homenagem à Páscoa. O teatro foi apresentado ao ar livre, na principal praça de Ilhota, na noite de sexta-feira, 22, dia de comemoração da morte de Cristo. O público superou as expectativas dos organizadores, que ficaram satisfeitos com o resultado da apresentação. Os atores da peça ensaiaram durante semanas para garantir a perfeição do espetáculo, que surpreendeu a todos que foram conferir a encenação da história da morte e ressurreição de Cristo.

Fonte: Publicado na edição 1286 do jornal Cruzeiro do Vale.

Secretaria de Saúde inicia campanha de vacinação contra a gripe

A secretaria de saúde de Ilhota iniciou nesta segunda-feira (25) a tradicional Campanha de Vacinação contra a Gripe. Em 2011, a grande novidade é a inclusão das crianças de seis meses a menores de dois anos e gestantes entre os segmentos a receberem o medicamento. Até o ano passado, a iniciativa era direcionada aos idosos e aos profissionais dos serviços de saúde.

Para a secretária Jocelene da Silveira, a inclusão destes dois grupos é um grande avanço. “Nos últimos anos e, principalmente em 2010, na pandemia da gripe A pudemos observar o quanto as gestantes e as crianças são vulneráveis às complicações causadas pelos vírus da gripe. Trata-se de uma grande ação de saúde pública no sentido de prevenir as infecções pela gripe, principalmente as pneumonias”, afirmou.

O prefeito Ademar Felisky reforça que a vacina é totalmente segura. Ela é fabricada com os vírus inativos dos tipos mais comuns de gripe. “Para os idosos a dose é única. Para as crianças o esquema completo inclui duas doses, a segunda 30 dias após a primeira”, informou. A vacina protege contra os três principais vírus que estão em circulação no hemisfério sul, entre eles o da influenza A (H1N1).

Esta sexta-feira (30) será o dia D  em todos os postos de saúde A campanha vai até 13 de maio. As doses estão disponíveis em todas as unidade de saúde do município.

Mais sobre a gripe

A gripe, ou influenza, é uma infecção causada por vírus que afeta o sistema respiratório, mais precisamente o nariz, garganta e brônquios. O contágio ocorre de forma direta através das secreções das vias respiratórias da pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar ou de forma indireta, por meio das mãos que, após contato com superfícies recém-contaminadas por secreções respiratórias pode levar o agente infeccioso direto a boca, olhos e nariz.

A doença pode se apresentar desde uma forma leve e de curta duração, até formas clinicamente graves e complicadas. A gripe é responsável por elevada taxa de adoecimento e morte em grupos de maior vulnerabilidade.