Vídeo da sessão da Câmara de Vereadores de Ilhota do dia primeiro de agosto

Após um “meiszinho” de férias, e merecidas para alguns de nossos parlamentares, a Câmara de Vereadores volta do recesso. Confira aqui neste vídeo o que foi debatido e deliberado nesta sessão. Mais uma vez, volto a frisar a iniciativa do amigo Everton, secretário executivo da casa pela iniciativa, e com ela, a gente fica mais informado do que se passa dentro do mundo da política ilhotense.

Anúncios

Garoto ciumento usa Facebook para matar atual namorado de sua ex

jealous

Jovem se passou por mulher, utilizando um perfil falso, e marcou encontro com a vítima.

Marcar encontros com pessoas do “mundo online” no “mundo real” já é uma prática constante entre os mais jovens, mas alguns desses encontros podem ser bastante perigosos. O jornal americano Orlando Sentinelinformou, na edição da última segunda-feira (1/8), que um garoto utilizou o Facebook para matar o atual namorado de sua ex.

De acordo com a reportagem, Israel Nieves, de 19 anos, criou um perfil falso com o nome feminino “Ty Ann”, e pediu para ser amigo de Jason Rodriguez, o atual namorado de sua ex. Depois de algumas semanas de bate-papo (tanto online quanto via telefone – o garoto pediu que uma amiga conversasse com o jovem, passando-se pela falsa garota), eles resolveram se encontrar. Mas, no lugar de “Ty Ann”, estava Israel, que matou Jason com um tiro na cabeça e outro no pescoço.

Uma testemunha acompanhou toda a ação e denunciou o caso à Polícia. Israel foi preso imediatamente, e o Delegado informou que ele já havia sido acusado de estuprar uma garota de 14 anos, que também conheceu online.

É claro que essas coisas não acontecem o tempo todo, mas é bom tirar uma lição dessa história. Muito cuidado com quem conhece online: identidades podem ser facilmente falsificadas!

CISP discute saúde dos detentos e mudanças na lei de medidas cautelares

Com mais de vinte membros reunidos, a reunião da Comissão Intermunicipal de Segurança Pública (CISP) teve como tema principal a falta de medicamentos na Farmácia e a falta de equipamentos no consultório odontológico do Presídio da Canhanduba, além da Lei Nº 12.403, de 04 de maio de 2011, que trata de medidas cautelares, liberdade provisória, fiança e prisão processual.

O encontro aconteceu no Plenarinho da Câmara de Vereadores de Itajaí na manhã desta quarta-feira (03) e contou com a presença também do advogado e Secretário-Geral da OAB Itajaí Luiz Eduardo Cleto Righetto, dos profissionais que atuam na área da saúde do Presídio e do representante da Secretaria de Saúde de Navegantes Almir Ricobam.

Segundo o Gerente Geral do Presídio, José Milton Santana, a unidade já está com a sua capacidade máxima, 376 presos provisórios, utilizando com freqüência medicamentos e materiais de enfermagem para atendimento imediato ao detento. Outra dificuldade encontrada é quanto à realização de exames e procedimentos, que tem que ser realizados fora do presídio.

Já o consultório odontológico do Presídio, não possui equipamentos. “Não temos cadeira, falta ferramentas para fazer os procedimentos e os presos necessitam de atendimento odontológico, principalmente os usuários de drogas”, disse o dentista Rogério Gecharett.

José Milton afirma que a unidade conta com um enfermeiro, um psicólogo, um clínico geral, um psiquiatra, uma auxiliar de dentista, um enfermeiro e quatro técnicos de enfermagem, além de um dentista. As contratações são mantidas pela empresa responsável pela co-gestão do Presídio, a Montesinos.

Durante a reunião ficou definido que a CISP em parceria com o Parlamento da Amfri (PARLAAMFRI) irá agendar audiência com o Governador Raimundo Colombo e com o Secretário Estadual de Saúde Dalmo Claro de Oliveira para tratar deste tema, já que a responsabilidade é do Governo Estadual.

Já sobre a Lei, Dr. Luiz Eduardo esclareceu as dúvidas dos participantes e explanou sobre as mudanças.  O advogado explicou que “o primeiro impacto da nova lei é que o Delegado pode arbitrar fiança para o preso com pena de até quatro anos. O segundo impacto é que o Juiz só pode deixar o cidadão preso se ele entender que não é possível aplicar a medida cautelar. O Juiz decide. A prisão hoje é em último caso. Acredito que a nova lei não vai colocar a sociedade em risco, o Delegado tem que usar o bom senso”, conclui o advogado.

Dr. Righetto fez questão de frisar que é a favor do trabalho em unidades prisionais. “Sou adepto a bola de chumbo no pé e macacão listrado. Temos exemplo aqui mesmo no Estado, em São Cristóvão do Sul os detentos limpam as vias. Se aqui eles fizessem isto não precisaríamos privatizar as BRs. Os criminosos que trabalham tem outra visão”.

Sobre esta questão a Presidente da CISP, Susi Bellini informou aos participantes que nesta quinta-feira (04) inicia as aulas de artesanato do Projeto Arrumadinho no Presídio Canhanduba, em parceria com a Univali, e logo será colocado em prática o Projeto Liberdade sobre Rodas, do IEPES, com fabricação de cadeiras de rodas e macas.

Segundo Major Jefferson Schmidt da Polícia Militar de Camboriú, o problema da falta de efetivos deve voltar a ser debatido, pois com esta mudança na lei e com a chegada do “oxi”, entorpecente fabricado a partir da queima da pasta base (cocaína), cal virgem, querosene e água de bateria, a situação irá se agravar. “Hoje nossos adolescentes não são punidos, a polícia aplica o TC (Termo de Compromisso) e logo depois o jovem está cometendo a infração novamente”, fala o Major.

Segundo Susi Bellini, dados divulgados pela Secretaria de Segurança Pública esta semana apontam que Itajaí ocupa o terceiro lugar no ranking de homicídios do Estado, com 28 casos registrados em 2011, já Camboriú está em sétimo lugar, com 18 mortes. “A faixa etária predominante nestes crimes, seja como vítima ou como autor, é de jovens de 18 a 24 anos. Precisamos investir na ressocialização do jovem”, afirma Susi.

A próxima reunião da CISP está marcada para o dia 24 de agosto, às 9h, na Câmara de Vereadores de Penha. Já a Assembléia Geral do Consórcio Intermunicipal de Segurança com Cidadania da Costa Verde e Mar (CISVEMAR) será no próximo dia 10 de agosto, às 9h, no auditório da Prefeitura de Camboriú.

Texto e fotos: Elizângela Cardoso

Estado americano proíbe amizade entre professores e alunos nas redes sociais

Facebook

Lei quer proteger crianças de abusos sexuais por parte dos professores.

Uma lei sancionada pelo governador Jay Nixon, do Estado do Missouri, nos Estados Unidos, proibirá que professores e alunos mantenham amizade através de redes sociais. A proibição começará a valer a partir do dia 28.

Professores e alunos não poderão ter conexão em redes sociais que permitem a troca de mensagens privadas, como o Twitter e Facebook, por exemplo.

A única maneira de que os professores terão para se comunicar com seus alunos será através de páginas públicas. Elas podem ser “curtidas”, mas não permitem a troca de mensagens privadas entre os membros.

Veja abaixo o que diz Jay Nixon

Professores não podem estabelecer, manter ou usar relações de trabalho em um site, a não ser que ele esteja disponível para os administradores do colégio e das pessoas com custódia das crianças. Professores também não podem ter um site não relacionado ao trabalho que permite acesso exclusivo com estudantes ou ex-estudantes.

Fonte: http://www.superdownloads.com.br/materias/americano-proibe-amizade-entre-professores-alunos-redes-sociais.html#ixzz1UHPFIrpf