Raimundo Colombo autoriza mais R$ 1 milhão para ampliar Hospital Universitário da FURB no dia de sua inauguração


Raimundo Colombo autoriza mais R$ 1 milhão para ampliar Hospital Universitário da FURB no dia de sua inauguração

Na solenidade de inauguração do Hospital Universitário da Universidade Regional de Blumenau (FURB), o governador Raimundo Colombo autorizou o repasse de mais R$ 1 milhão para que a universidade continue com o projeto de ampliação do espaço. Para a abertura dessa primeira etapa do hospital, o Governo do Estado investiu R$ 2,3 milhões, somados ao repasse de R$ 1,9
milhão do Governo Federal. O Hospital Universitário da FURB já atende a comunidade desde o dia 16 de fevereiro, mas foi oficialmente inaugurado nesta segunda-feira (12). “Contem conosco nessa etapa e nas outras que virão”, declarou Colombo.

Localizado no Campus 5 da FURB, a intenção é tornar todo o local um complexo de saúde. Os recursos autorizados por Colombo ajudarão a concluir o prédio de uma policlínica, próxima à primeira unidade inaugurada nesta segunda-feira. Com a finalização da policlínica, passam a ser realizados também atendimentos nas áreas de fisioterapia, farmácia e bioquímica, psicologia, pediatria e ginecologia. Essa segunda etapa toda, incluindo os equipamentos, está orçada em R$ 3,5 milhões.

“A entidade está preparada para ajudar no mutirão da saúde com duas salas cirúrgicas para a realização de procedimentos de pequena e média complexidade”, explicou o reitor da FURB, João Natel, colocando à disposição a nova instalação para fazer parte do mutirão de cirurgias doEstado. Natel afirma que hospital universitário vai ajudar a aliviar a fila de procedimentos de média complexidade na região. “E também com a realização de exames que não eram ofertados no município, como o eletroencefalograma”, disse o reitor.

Dos quatro hospitais que a cidade de Blumenau dispõe, três estão a 500 metros um do outro, no centro da cidade. O hospital universitário tem a vantagem de estar localizado em uma área alta da cidade que permanece protegida na eventualidade de alguma enchente. Desde o início de seu funcionamento, há quase um mês, foram realizados cerca de 1.500 atendimentos e aproximadamente 150 cirurgias. “Quando essa capacidade estiver totalmente instalada, teremos 300 cirurgias ao mês e atenderemos duas mil pessoas”, conta Natel. Cerca de 500 alunos também se beneficiam do hospital por meio da extensão universitária, com a realização de práticas médicas no local.

O secretário da Saúde, Dalmo Claro, explica que os hospitais universitários têm uma relevância muito grande no sistema de Saúde do Estado porque ajudam a compor o atendimento gratuito e universal à população. “Essa é primeira etapa de um projeto grandioso. Ver esse trabalho prosperar nos incentiva a continuar apoiando esse projeto”.

Dona Inedyr Maria de Souza, de 65 anos, tem um genro que se formou na FURB e dois netos que estudam por lá. Dorothea Luiz Correa de Azambuja, de 80 anos, tem quatro filhos formados na FURB e mais quatro netos também formados. Ambas ainda são alunas, no programa de educação permanente da universidade, e compareceram à inauguração do Hospital Universitário da FURB, nesta segunda-feira. Agradeceram o governador pelo apoio à universidade em que têm tanta história.

Estrutura

O Hospital possui 1.600 m² e dispõe de quatro áreas que prestam serviços à comunidade atendida pelo SUS. Um centro de diagnóstico com capacidade para atendimento de mil pessoas por mês com os serviços de radiologia simples, exames de diagnóstico neurológico, eletrocardiograma e exames laboratoriais, além de consultórios especializados em Clínica Cirúrgica, onde os pacientes atendidos nesse segmento realizam suas consultas de pré e pós-operatório.

Há ainda um centro cirúrgico equipado para procedimentos de pequena e média complexidade e uma área de atendimento de fisioterapia que permite ao paciente em atendimento nesse serviço realizar todo o seu acompanhamento no mesmo ambiente. Também participam da atenção multidisciplinar acadêmicos de psicologia.

Todos os serviços são realizados por uma equipe técnico-administrativa, composta por enfermeiro, técnico de enfermagem, auxiliares administrativos, sendo que o atendimento ao paciente é realizado por acadêmicos dos cursos de Medicina, Farmácia, Enfermagem, Psicologia e Fisioterapia sob supervisão dos docentes vinculados ao Centro de Ciências da Saúde da Universidade Regional de Blumenau.

Há três anos, um grupo formado por alunos de todas áreas dos cursos de saúde da FURB, em Blumenau, como o estudante de medicina Éder de Oliveira, saiu em busca de retomar as obras do HU, iniciadas em 2000 e que estavam paradas. Em 2008, conseguiram um repasse de R$ 1,5 milhão com o Governo do Estado para a universidade e mais R$ 1 milhão em 2011, que possibilitaram a conclusão dessa primeira etapa do hospital universitário. “Para os acadêmicos, esse investimento em saúde também beneficia a comunidade”, disse o aluno.

Anúncios

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s