Genoma Colorado de Ilhota perde mais uma no campeonato da Acef

Projeto Genoma Colorado de Ilhota no campeonato da Acef em Rio NegrinhoProjeto Genoma Colorado de Ilhota no campeonato da Acef em Rio Negrinho

No último sábado, 19/05, o Genoma Colorado de Ilhota que representa o município no campeonato de escolinhas da Acef, viajou para a cidade de Rio Negrinho para mais um jogo da competição. A partida foi contra a equipe do Vila Nova que venceu as duas categorias ao qual disputa o torneio, sub-13 e sub-15.

Mesmo como os resultados os professores Diego Zeferino e Paulo Eduardo Pereira gostaram da atuação de ambas as categorias pois a cada jogo evoluem e mostram superação nas partidas. “Estamos conscientes de que temos muito a se fazer, mas com o tempo e com o trabalho que está sendo feito as equipes estarão pegando ritmos de jogo nas competições”, disse o coordenador do projeto Diego Zeferino, diretor de esportes do município. Paulo Eduardo comentou ainda que “muitos alunos nunca haviam participado de campeonatos deste nível”.

Aproveitando o jogo o Projeto Genoma Colorado de Ilhota estreou seu novo uniforme com a logo da Eletrobras/Eletrosul que patrocina a equipe. O projeto com a estatal Eletrosul foi elaborado pelo professor Paulo Eduardo Pereira onde por iniciativa do Edital de patrocínio conseguiu angariar recursos para que pudessem subsidiar de alguma forma o projeto sócioesportivo em Ilhota. O mesmo projeto teve minha participação nele, onde por forma de consulta Paulo obteve informações , pude auxiliar a entidade a produzir de forma clara e objetiva o projeto junto a empresa, e deu certo!

Anúncios

6º Itajaí em Cartaz apresenta “Noite” do grupo Porto Cênico

Cartaz do 6º Itajaí em Cartaz

Mostra de teatro local segue até o dia 25 de maio com ingressos limitados e a preços populares.

Vamos ao teatro? Confira a programação e prestigie a maior mostra de teatro local. Hoje (22), tem “Noite”, com o grupo Porto Cênico e na quarta-feira (23), quem sobe ao palco do Teatro Municipal é o grupo Ilustríssimos Senhores, com a peça “Patética”. Já na Fundação Cultural o grupo convidado de Florianópolis apresenta “Pequenos Burgueses”.  Ambas as peças tem limite de público, fique atento!

Terça tem “NOITE”

Terça-feira (22), o 6º Itajaí em Cartaz além de dar continuidade às aulas de direção e debate com os grupos filiados à Rede Itajaiense de Teatro, a partir das 20h, no Teatro Municipal apresenta o espetáculo “NOITE”, do Grupo Porto Cênico (Itajaí/SC). Este espetáculo tem plateia limitada, sendo que só serão vendidos 60 ingressos para o público masculino e 60 ingressos para o público feminino. Os bilhetes custam R$10 (inteira) e R$5 (meia) e podem ser comprados no Teatro.

O espetáculo “NOITE”, trata das memórias e divagações de um casal. No jogo cênico, a tensão e a busca incessante pelo momento exato da paixão perdida no tempo, como num bolero antigo. Em volta de silêncios, sensações híbridas e lembranças do passado é que se ambienta o espetáculo.

“PATÉTICA” relembra história do jornalista Vladimir Herzog

Quarta-feira (23), a programação do 6º Itajaí em Cartaz traz o espetáculo “PATÉTICA”, do grupo Ilustríssimos Senhores (Itajaí/SC). A peça inicia às 20h, no Teatro Municipal. Este espetáculo também tem plateia limitada, para  120 pessoas. Os bilhetes custam R$10 (inteira) e R$5 (meia) e podem ser comprados no Teatro.

A história é narrada por um grupo circense, mas, ao invés de malabares e acrobacias, os artistas trazem a verdadeira história de Glauco Horowitz, subintitulada Patética! É uma peça verdadeira e pungente que reafirma o valor do autêntico teatro brasileiro como expressão lúcida das crises e angústias de nosso povo.

Grupo de Pesquisas Teatrais de Florianópolis apresenta  “PEQUENOS BURGUESES”

Também na quarta-feira (23), o espetáculo convidado para a mostra teatral 6º Itajaí em Cartaz, é “Pequenos Burgueses”, do Grupo de Pesquisas Teatrais (Florianópolis/SC). A peça será apresentada na Fundação Cultural de Itajaí, em dois horários: 20h e 21h30. Este espetáculo tem limite de público, 50 pessoas por sessão.

“PEQUENOS BURGUESES” caracteriza-se como Espetáculo Laboratório baseado em uma interpretação a partir de “estados”. Nasceu com o objetivo de experimentar um procedimento de interpretação teatral baseado na vivência de estados anímicos. Os estados nos quais está baseada a proposta são induzidos e experimentados pelos atores como jogo no processo de criação e da realização da cena.

6º Itajaí em Cartaz

A 6ª edição do Itajaí em Cartaz, mostra de produções teatrais locais, realizada anualmente pela Rede Itajaiense de Teatro, conta, neste ano, com o patrocínio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura, por meio da empresa APM Terminal e com a co-realização do SESC. A programação iniciou no sábado (19), com um “Arrastão Artístico”, para divulgação do evento. Cerca de 50 pessoas, juntamente com o Grupo de Maracatu Encantos do Sul, movimentaram a Rua Hercílio Luz com personagens, música , animação e distribuição de material publicitário.

Ao final da ação foi apresentado o espetáculo “Júlia”, do grupo convidado Cirquinho do Revirado (Criciúma/SC). que reuniu um grande público com todas idades. A agenda segue até o dia 25 de maio com quase 30 atrações, entre elas, espetáculos cênicos, curso de direção e debates. A programação completa está disponível na página:6itajaiemcartaz.blogspot.com

 

Alunos de escolas municipais travam batalhas em Itapema

Peças e tabuleiro em tamanho grande ajudam a ter uma melhor visão de jogo em comparação ao tabuleiro convencional.

Peças e tabuleiro em tamanho grande ajudam a ter uma melhor visão de jogo em comparação ao tabuleiro convencional.

As escolas da rede municipal de ensino de Itapema viraram cenário de grandes batalhas nessa semana. Exércitos formados por alunos lideram reis e peões com o objetivo de dominar o inimigo, deixá-lo sem movimento e chegar ao território do oponente. Estratégia, atenção e trabalho em equipe são as lições para vencer a disputa, que tem como campo de batalha um grande tabuleiro.

O Xadrez Gigante foi implantado nessa semana em cinco unidades de ensino de Itapema que desenvolvem o projeto Xadrez nas Escolas, a partir da iniciativa do professor Róger Rodrigues Urrutia. A atividade tem o objetivo de incentivar o aprendizado da modalidade de forma criativa e divertida.Clique aqui e baixe a imagem em alta resolução.Peças e tabuleiro em tamanho grande ajudam a ter uma melhor visão de jogo em comparação ao tabuleiro convencional

As crianças realizam um pré-jogo enxadrístico, para treinar melhor o domínio do movimento, captura e promoção do peão. No Xadrez Gigante cada aluno cuida apenas de uma peça e outros dois são os comandantes dos exércitos. Algumas das peças medem mais de um metro de altura.

De acordo com o professor Róger Rodrigues Urrutia, a utilização do material faz com que o aluno tenha uma visão de jogo mais ampla e mais atenta do que com o tabuleiro convencional. “A atividade também estimula o trabalho em equipe, pois as peças podem ajudar o capitão a tomar suas decisões para alcançar o objetivo final”, explica.

Xadrez nas escolas

A Prefeitura de Itapema, por meio de uma parceria entre as secretarias de Esporte, Cultura e Lazer e de Educação, desenvolve o projeto Xadrez nas Escolas em instituições da rede municipal de ensino. O objetivo da ação é aproveitar a modalidade como ferramenta pedagógica, que leve para um bom desempenho escolar, além de ajudar no desenvolvimento da atenção, da concentração e do raciocínio lógico.

O xadrez tem sido desenvolvido há três anos em Itapema nas escolinhas esportivas como elemento de inclusão social. Os atletas de destaque participam de um trabalho de rendimento, para representar Itapema em competições oficiais. Por ser uma atividade orientada por regras, o xadrez permite também trabalhar aspectos relativos à disciplina, a ética, a moral que são fundamentais na construção de valores importantes para a formação da cidadania.

FINEP lança concurso de fotografia sobre sustentabilidade

Políticas promovem distribuição das oportunidades. Um dos passos é a garantia do registro civil de nascimento

Um dos passos é a garantia do registro civil de nascimento.

O Brasil busca promover os direitos humanos em um contexto de desigualdades históricas e estruturais, por meio de instrumentos formais desenvolvidos para reduzir diferenças de gênero, raça, idade, religião e orientação sexual. Medidas de redução de vulnerabilidades (veja quadro) foram incorporadas às ações do Estado.

Um dos passos é a garantia do registro civil de nascimento. De 2003 a 2009, a média nacional de crianças sem registro caiu mais de 50%. Entre 2009 e 2010, foram realizados 2.895 mutirões para a emissão de documentação civil básica, resultando na emissão de mais de 85 mil certidões de nascimento. Alguns desses mutirões, foram específicos para as comunidades tradicionais, nômades, semi-nômades, indígenas, ciganos e moradores de rua. E 2,2 mil deles foram realizados nas áreas rurais, com emissão de mais de 1,3 milhão de documentos. Hoje, 6,6% de crianças entre um e dois anos de idade permanecem sem registro.

Alimento

O Relator Especial da ONU para o Direito à Alimentação reconheceu que o Brasil “tem sido particularmente eficaz em lidar com formas extremas de privação”. O direito a uma alimentação adequada e à segurança alimentar e nutricional foi incluído na Constituição, em 2010.

Há também programas oficiais de compra de alimentos da agricultura familiar para instituições de assistência social e merenda escolar. Em 2011, foram 48,1 milhões de alunos beneficiados. Como resultado, o Brasil foi um dos países que mais avançou na redução da mortalidade infantil (em 59,7% entre 1990 e 2008) e da desnutrição infantil (em 90% entre 1979 e 2009).

Religião

Em novembro de 2011, foi instituído o Comitê de Diversidade Religiosa e Direitos Humanos, composto por representantes do governo e da sociedade civil, a fim de assegurar a liberdade de credo no País. No mesmo dia, foi lançada uma campanha de combate à intolerância religiosa.

FINEP lança concurso de fotografia sobre sustentabilidade

FINEP lança concurso de fotografia sobre sustentabilidade

Um novo olhar sobre energia pode render prêmios e reconhecimento nacional aos estudantes. Somente jovens de 14 a 18 anos, de todo o Brasil, podem inscrever seus trabalhos fotográficos no Prêmio FINEP Jovem Inovador – Energia Sustentável.

O objetivo é levar o conceito de inovação para as escolas e despertar o interesse dos mais jovens por tecnologia. O tema é uma homenagem à Rio+20 e ao ano de 2012, escolhido pela Assembléia Geral das Nações Unidas como o Ano Internacional da Energia Sustentável para Todos.

Regras

Cada participante pode concorrer com até três fotografias, que devem ser digitais e inéditas. O arquivo deve estar no formato JPEG ou TIFF, com no mínimo 500 KB e, no máximo, 5 MB.

Inscreva-se!

As inscrições devem ser feitas no período de 16 de abril a 16 de agosto. Um comitê de jurados da FINEP avaliará as fotos em até 120 dias após o término das inscrições.

Premiação

Serão escolhidas as três melhores fotos de cada região do Brasil. Os autores dos três principais trabalhos serão homenageados com troféus em cerimônias de premiação. O vencedor de cada etapa regional concorrerá ao Prêmio Nacional. Os primeiros lugares de cada região e o vencedor nacional receberão ainda um prêmio no valor de R$ 2,5 mil.

Acesse o Regulamento do Concurso e o Formulário de Inscrição no site da FINEP.

com informações da FINEP e da ONU

Prefeita Luzia (@luziacoppi) é vítima de perfil falso no Twitter

Twitter da prefeita Luzia

A Prefeita de Camboriú, Luzia Coppi Mathias, está sendo vítima de um perfil falso no Twitter. Trata-se do @luzia_coppi. A suposta pessoa utiliza a mesma foto que a Prefeita exibe em seu perfil oficial @luziacoppi, além da biografia também ser a mesma.

“É uma brincadeira de muito mal gosto. Já estou tomando as medidas cabíveis e necessárias para que o responsável seja punido. Twitter é uma ferramenta de pessoas sérias, que buscam debater projetos e idéias, e não um espaço onde covardes se escondem através de fakes para denegrir a imagem dos outros”, declarou a Prefeita.

Luzia Coppi possui um perfil no twitter desde 04 de junho de 2010. Atualmente, conta com mais de 4.300 seguidores. Quem quiser acessar o seu perfil oficial basta digitar o endereço eletrônico: www.twitter.com/luziacoppi