Avaaz se torna a mídia

Daily Briefing da Avaaz

Imagine se existisse um site que pudéssemos abrir logo de manhã, tomando nosso café, que nos fizesse sentir como se visitássemos uma praça da aldeia global — um espaço com reportagens confiáveis, análises perspicazes e narrativas inspiradoras e oferecesse, pela primeira vez, soluções para problemas e uma opção para mobilizar as pessoas sobre questões que são importantes para todos!

Mas imagine se 16 milhões de nós estivéssemos por trás desse portal de notícias de ponta — é um número maior que a circulação de jornais como Washington Post ou o New York Times! Uma meta ambiciosa, mas já passamos alguns meses modelando o conceito e recrutando uma equipe inicial de jornalistas de alta qualidade, e o Daily Briefing da Avaaz está quase pronto para ser lançado.

A velha mídia está comprometida com os donos das grandes empresas privadas e anunciantes, e suas notícias são geralmente cínicas e desmobilizadoras. O Daily Briefing será nosso e estará sobre nosso controle — uma mídia feita por pessoas para um mundo melhor. Se apenas 20.000 de nós fizermos pequenas doações hoje, podemos colocar o projeto em prática e contratar os melhores editores, redatores, gênios da infografia e desenvolvedores. Clique para ajudar a Avaaz se tornar a mídiahttps://secure.avaaz.org/po/avaaz_becomes_the_media_po/?bRPpScb&v=18298.

No início do ano, uma incrível soma de 97% dos membros da comunidade da Avaaz votaram a favor dessa proposta em nossa pesquisa de opinião anual. Na semana passada, fizemos um teste e a resposta foi fantástica! Pela primeira vez em nossa existência o movimento Avaaz se tornou a mídia — juntos nós enfrentamos a cobertura da mídia de massa sobre a “Muslim Rage” e os protestos no que denominam ser o “mundo islâmico” ao compartilhar um artigo que contextualizava com responsabilidade os protestos e ia de encontro ao sensacionalismo da revista Newsweek.

É incrível imaginar o quanto esse projeto pode evoluir. Veja o que podemos fazer se apenas 20.000 pessoas fizerem uma pequena doação:

  • Aumentar a nossa pequena equipe que atualmente trabalha no Daily Briefing. Fomos abordados por alguns dos mais experientes e talentosos jornalistas e profissionais de mídia do mundo, interessados em entrar para a equipe pois estão cansados do jornalismo corporativo e conflituoso e conseguem vislumbrar uma máquina de mídia alimentada por 16 milhões de membros fortalecendo nossas democracias e ajudando a mudar o mundo.
  • Construir a melhor tecnologia do mundo que permita à comunidade e à democracia prevalecerem. Com plataformas tecnológicas de jornalismo cidadão e colaborativo de ponta, todos os membros poderão produzir conteúdo e votar as nas matérias que merecem destaque de acordo com o mérito e a relevância dos assuntos para a comunidade.
  • Compartilhando as boas notícias. Ao invés de nos bombardear apenas com as histórias que retratam os horrores da humanidade e a destruição do nosso planeta, o Daily Briefing vai investigar e dar destaque a histórias inspiradoras, de esperança e de coragem.
  • Amplificar às histórias que não são contadas. Os membros da Avaaz financiaram projetos de jornalismo cidadão importantes para furar o blecaute de mídia em locais onde há repressão em todo o mundo. Agora o Daily Briefing vai oferecer uma alameda de vozes e questões que são ignoradas pela mídia controlada pelas grandes empresas privadas.
  • Fornecer análises globais e empreendedorismo político. A equipe do Daily Briefing vai acabar com esse jargão que aliena as pessoas e, em vez disso, fornecer análises sólidas e novos caminhos para confrontarmos os maiores desafios de nosso tempo.

Clique aqui para fazer uma doação e ajude a lançarmos o Daily Briefinghttps://secure.avaaz.org/po/avaaz_becomes_the_media_po/?bRPpScb&v=18298.

A marcha da democracia que varre nosso mundo está refazendo muitas de nossas antigas instituições. Nos últimos 5 anos, trabalhamos juntos para reformar a política ao redor do mundo e está funcionando. Mas a política e a mídia são dois lados de uma mesma moeda: um não pode mudar se o outro não mudar. Além disso, somos governados tanto pela mídia quanto pelos nossos governos. Chegou a hora de retomá-los e trazê-los para nosso lado.

Daily Briefing da Avaaz

  • Razão nº 1: O Daily Briefing é a Avaaz 2.0: Trata-se de uma dimensão completamente nova daquilo que a Avaaz já tem feito há anos. Já somos a mais bem-sucedida comunidade online já existente — isso vai nos levar mais adiante.
  • Razão nº 2: O Daily Briefing é Independente, Imparcial e Confiável: A Avaaz sempre foi totalmente independente, não aceitando dinheiro de governos ou empresas privadas, garantindo que nossa voz seja determinada exclusivamente pelos valores de nossos membros, não pela agenda de financiadores. Atualmente, 100% do orçamento da Avaaz vem de pequenas doações online. Isso significa que a única agenda editorial do Daily Briefing é a agenda do povo e não vamos nos intimidar — seremos firmes e fortes.
  • Razão nº 3: O Daily Briefing é Avaliado, Aprovado e Feito pelo Povo: A equipe responsável criará e manterá um diálogo aberto com membros da Avaaz e usará mecanismos de teste para garantir que se exerça o controle de qualidade sobre o Daily Briefing e que sejamos sempre responsáveis por produzir o conteúdo de maior qualidade possível. Faça uma doação aqui: https://secure.avaaz.org/po/avaaz_becomes_the_media_po/?bRPpScb&v=18298.
  • Razão nº 4: O Daily Briefing Compreende com Profundidade e Explica com Simplicidade: O Daily Briefing vai comunicar compreensões sobre os acontecimentos globais que sejam as mais incisivas e mobilizadoras. Ao mesmo tempo, nossa equipe vai se manter fiel ao princípio de que os debates públicos importantes devem ser acessíveis e participativos a todos os cidadãos. Não importa o quão complexa seja uma questão, há uma maneira simples, concisa e engajadora de se explicá-la. Isso não significa escrever textos rasos ou superficiais, significa ter uma visão profunda para explicar de maneira simples.
  • Razão nº 5: O Daily Briefing É um Resumo e uma Ferramenta para o Cidadão: O Daily Briefing vai sempre tratar os leitores como primeiros-ministros e presidentes — pessoas ocupadas que tomam decisões extremamente importantes sobre como usar o seu tempo e merecem ter a informação mais importante e a análise mais relevante.
  • Razão nº 6: O Daily Briefing Não são apenas Notícias, é algo Melhor: O Daily Briefing representa, em parte, um regresso à alma do jornalismo. Jornalismo de campanha que encoraja o interesse público e cobra responsabilidade dos que estão no poder. Faça uma doação agora: https://secure.avaaz.org/po/avaaz_becomes_the_media_po/?bRPpScb&v=18298.
  • Razão nº 7: Avaaz Não Tem Burocracia: Avaaz é uma rede gigante de cidadãos, mas nossa organização é incrivelmente pequena — apenas 55 profissionais trabalhando em campanhas com apoio tecnológico e operacional. A maioria das grandes ONGs globais têm centenas ou até mesmo milhares de colaboradores em suas equipes. Nosso tamanho reduzido significa também que não temos tempo para brocracia, camadas de gerenciamento — nosso foco está em ações que dão resultados.
  • Razão nº 8: Avaaz Passa Frequentemente por Auditoria e Possui Responsabilidade Fiscal: Há muito receio sobre o mal-uso de recursos de doação em todo o mundo. A maior parte desse medo não tem sentido — a maioria das organizações está cheia de pessoas boas que tentam fazer coisas boas. Com a Avaaz você pode se sentir seguro– parcialmente porque somos obrigados por lei a sermos auditados a cada 12 meses. Essa auditoria confere nos mínimos detalhes cada aspecto de nossos livros de caixa e práticas financeiras. Já fomos auditados 6 vezes desde que a Avaaz surgiu e todas as vezes recebemos um certificado de registro de que somos limpos (para detalhes, clique aqui).
  • Razão nº 9: Avaaz tem uma Equipe Global de Qualidade que faz um Trabalho Impressionante: Fazer campanhas, incidência política e mudança social são negócios sérios e exigentes. Quanto mais competente for a equipe, mais impacto as doações terão. Avaaz sempre atraiu alguns dos melhores profissionais de campanhas e ativistas do mundo. Muitos dos profissionais no quadro de diretores de campanha se uniram a nós após serem diretores de organizações de sucesso e a maioria têm títulos das maiores universidades do mundo. A equipe do nosso Daily Briefing será composta pelos melhores redatores, jornalistas e editores. Faça uma doação agora: https://secure.avaaz.org/po/avaaz_becomes_the_media_po/?bRPpScb&v=18298.
  • Razão nº 10: Avaaz é Política (isso realmente importa): A maioria das caridades oferecem doações que podem ser deduzidas dos impostos. Mas isso significa que elas são, de determinada maneira, parcialmente financiada pelas pessoas que pagam impostos e os governos usam isso para impor regras bem duras a respeito do que tais organizações podem ou não fazer. A maior das reclamações é a de que elas têm restrições para criticar, apoiar ou se posicionar contra um político. Isso não acontece na Avaaz pois as doações feitas ao nosso movimento não são reduzidas nos impostos, deixando-nos 100% livres para falar e fazer o que quisermos e exigir que os líderes ouçam as pessoas. Isso vai ser a nossa espinha dorsal para manter o Daily Briefing independente, imparcial e confiável.
  • Razão nº 11: Como a Avaaz, o Daily Briefing será algo único — nunca na história houve algo assim: Avaaz é a maior e a única comunidade genuína de campanhas global com milhões de membros, de alta tecnologia, feita por pessoas e para pessoas e multifacetada. Nenhum outro movimento pode mobilizar rapidamente uma pressão democrática de grande escala coordenada em mais de 193 países dentro de 24 horas. O Daily Briefing pode ser nosso próximo passo em quebrar recordes se nos tornarmos o portal de notícias sem fins lucrativos e feito pelo povo mais lido e compartilhado da história. Mas isso só pode se tornar realidade se 20.000 de nós ajudarem, e fizermos pequenas doações, as que couberem em nosso bolso, hoje: Faça uma doação segura e dê forças ao Daily Briefing da Avaaz: https://secure.avaaz.org/po/avaaz_becomes_the_media_po/?bRPpScb&v=18298.

Com esperança, Ricken, Dalia, Maria Paz, Alice, Antonia, Ari, Heather, Wissam e toda a equipe da Avaaz.

Anúncios