Eu apoie a reabilitação de animais selvagens à vida

International Fund for Animal WelfareAo assinar uma recente petição da Care2, eu me juntei a um grupo de pessoas de bom coração que estão ajudando os animais ao redor do mundo. É por isso que eu apoio ações como a Avaaz, Change, Petição Pública, entre outras que sou convocado. Apoio todas elas. Abaixo-assinado é comigo!

Então, reproduzo parte do e-mail que recebi de uma campanha que deu certo, e nada mais justo divulgar esse resultado. Para isso, eu uso meu blog como uma plataforma ampla e dinâmica como o WordPress de testemunhar minhas ações. Eu fui parte de uma rede especial no compromisso de resgatar e proteger os animais. Todos os dias, pessoas como nós ajudam a fazer uma diferença incrível, salva-vidas para os animais. Um exemplo do trabalho que a equipe faz IFAW – International Fund for Animal Welfare (Fundo Internacional para o Bem-Estar Animal) para os animais que foram o lançamento histórico recente de cinco tigres reabilitados.

IFAW suporta um programa de reabilitação especial tigre de Amur no Extremo Oriente da Rússia. A reintrodução destes cinco tigres, de apenas 360 permanecem no selvagem, é o culminar de resgates de tigres órfãs, meses de esforços de reabilitação e uma deslocação suave e liberação de salva-vidas.

Tigres são ameaçados pela caça ilegal e perda de habitat. A entidade está trazendo tigres de volta para onde eles vaguearam uma vez. Um dos cinco tigres é Svetlana. Apenas sete meses de idade, quando ela foi encontrada, ela estava frost-mordido e morrendo de fome.

Enquanto vivia no centro de reabilitação, Svetlana aprendi duas habilidades cruciais para a sobrevivência na selva: como caçar e como evitar seres humanos. Demorou mais de 16 meses antes que ela estava pronta para voltar à vida selvagem. Assista liberação Svetlana de volta à vida selvagem.

Para estudar a sua sobrevivência pós-lançamento, os cientistas estão monitorando os cinco tigres utilizando tecnologia de satélite. Este vídeo mostra a emoção do retorno dos tigres na natureza. Nossa equipe estava se divertindo cada vez que vimos um tigre correr em direção a sua nova casa da floresta.

Nós não poderíamos ter resgatado esses tigres sem a ajuda de nossos apoiadores. Com sua ajuda, nós fomos capazes de oferecer o melhor atendimento possível, enquanto os tigres estavam crescendo forte o suficiente e aprender as habilidades que eles precisam para sobreviver na selva.

Legal e muito bom de saber que o resultado deu certo!

😀

Anúncios

Seminário juventude é coisa séria

Convite Juventude é coisa séria, Dialison Cleber Vitti, Dialison Cleber, Dialison Vitti, Dialison, Cleber Vitti, Vitti, #DialisonCleberVitti, @dcvitti, dcvitti, #blogdodcvitti, Ilhota, 2014, Newsletter, Feed

A Associação Horizontes e a OAB/SC realizam na FIESC, nos dias 28 e 29 de agosto deste ano, em Florianópolis, o Seminário Juventude é Coisa Séria.

O evento, que conta com o apoio da Prefeitura de Florianópolis, da FIESC e da empresa Tractebel Energia, tem o objetivo de promover o debate e propor ações em relação a dois importantes temas relacionados à infância e juventude em Santa Catarina e no Brasil: o adolescente em conflito com a lei e a violência doméstica contra a criança e o adolescente.

A organização do evento quer trazer para o debate as principais autoridades nos temas propostos. Entre os palestrantes convidados, já confirmaram presença no seminário os representantes da OAB/SC, Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, CONANDA, Conselho Tutelar, CMDCA, Vara da Infância e Juventude, Fundação CASA, Defensoria, Secretarias de Estado de Justiça e de Assistência Social, Secretaria Municipal de Assistência Social, ANDI, ICOM, Assembleia Legislativa, consultores especializados, dentre outros convidados.

Ao longo dos dois dias do seminário, serão explorados, dentre outros, temas como o atendimento socioeducativo em São Paulo; ser adolescente: um direito em construção; mídia brasileira e as regras de responsabilização dos adolescentes em conflito com a lei; qualificação profissional do adolescente em cumprimento de medida socioeducativa; o atendimento ao egresso do sistema socioeducativo; o papel do terceiro setor no controle social dos direitos da infância e juventude; o risco de ser jovem no Brasil; a implementação do SINASE no Brasil; diagnóstico, propostas e ações em SC para a abordagem da violência contra a criança e o adolescente e para o atendimento socioeducativo.

A Horizontes entende que é seu dever promover esse debate e provocar as transformações necessárias visando assegurar a efetividade do marco legal de proteção e garantia de direitos da criança e do adolescente. Essa, sem dúvida, é nossa grande motivação para a realização desse seminário, em parceria com a OAB/SC, esclarece Marcos Molinari, presidente da Horizontes.

Seminário “Juventude é Coisa Séria”

  • Data: 28 e 29 de agosto de 2014.
  • Horário: das 9h às 18h.
  • Local: FIESC – Rod. Admar Gonzaga, 2765 – Itacorubi, Florianópolis.
  • Confirmações de presença através do site www.ah.org.br, até o dia 25/08/2014.
  • Inscrições gratuitas.Vagas limitadas.
  • Mais informações: eventojuventude@ah.org.br
  • Telefone: (48) 3031-3500

Inscreva-se já!😀

Pastor Silas denuncia perseguição religiosa e política do Governo

Isso me deixa envergonhado. Nós cristão sabemos que esse mundo não nos pertence e ele jás do maligno. Aprendi nesse pouco tempo de caminhada cristã, não devemos tocar no anjo da igreja do Nosso Senhor. Não somos nós quem devemos julgar, mas estamos a cargo da Lei do homem e as devemos respeitá-la. Diante do anunciado, Pastor Silas Mafaia usou seu programa na tevê aberta neste final de semana (19/7) e denunciou sua perseguição do governo com as organizações em que o servo de Deus administra. Sei que isso existe, não somente por parte do PT, mas de todos que estão na direção do governo, isso sem contar dos gestores municipais e vereadores. Sou membro da Associação Vitória em Cristo e contribuo mensalmente com a obra do Nosso Senhor e acredito neste trabalho. Assista ao vídeo que foi publicado no portal da Verdade Gospel. PT, não faça isso com a igreja do Nosso Senhor, isso é muito feio.Deus está conosco!

😀

Aos poucos as sujeiras vão aparecendo… primeiro foi um helicóptero, agora um aeroporto

Aecio Neves na berlinda. Aos poucos as sujeiras vão aparecendo... primeiro foi um helicóptero, agora um aeroporto, Dialison Cleber Vitti, Dialison Cleber, Dialison Vitti, Dialison, Cleber Vitti, Vitti, #DialisonCleberVitti, @dcvitti, dcvitti, #blogdodcvitti, Ilhota, 2014, Newsletter, Feed

Aécio Neves parece ter predileção por escândalos aéreos. Depois do helicóptero apreendido com meia tonelada de cocaína, agora se descobre que o então governador construiu com verbas públicas um aeroporto de 14 milhões na fazenda particular de seu tio Mucio Tolentino. Para pousar no aeroporto particular/pago pelo povo é preciso autorização do tio, que tem a chave. Aécio usa o aeroporto constantemente para chegar a seu refúgio particular, a Fazenda da Mata, que coincidentemente fica a 6 km do local. Há algum exemplo mais claro sobre confundir o público com o privado? A maracutaia foi descoberta pelo repórter Lucas Ferraz e está na capa da Folha.

Você pode conferir a reportagem na Folha por esse link: http://bit.ly/1wN3SSu. Caso não tenha cadastro na Folha, leia no Brasil 247 http://bit.ly/1wN4E1S.

😀

A copa acabou, e a nossa floresta?

A copa acabou, e a nossa floresta, Dialison Cleber Vitti, Dialison Cleber, Dialison Vitti, Dialison, Cleber Vitti, Vitti, #DialisonCleberVitti, @dcvitti, dcvitti, #blogdodcvitti, Ilhota, 2014, Newsletter, Feed

GreenpeaceVocê sabia? Se a região da Amazônia Legal fosse um país, seria o 6˚ maior do mundo em extensão territorial? E que mesmo com a queda no desmatamento registrado recentemente, ainda perdemos 500 mil hectares de florestas por ano, isso equivale a aproximadamente 500 mil campos de futebol? A copa acabou; e a nossa floresta?

Precisamos de você para continuar no caminho pelo Desmatamento Zero. A Amazônia abriga cerca de um quarto de todas as espécies conhecidas da Terra. São mais de 40 mil espécies de plantas; 427 mamíferos; 1.294 aves; 378 répteis; 426 anfíbios e mais de 3 mil espécies de peixes. Não podemos deixar que isso fique apenas na lembrança de um povo. Venha, junte-se a nós para salvar e preservar nossas matas.

Já perdemos 18% da Amazônia brasileira e se não fizermos nada esse número tende a crescer. Nossa luta é contínua e não vamos parar enquanto não conseguirmos salvar nossas florestas. Venha fazer parte desta história em defesa do planeta!

Junte-se a nós

😀

Como fica o direito autoral com a chega do Marco Civil da Internet

Livro direito autoral para fotógrafos de Marcelo Pretto publicado pela iPhoto Editora, Dialison Cleber Vitti, Dialison Cleber, Dialison Vitti, Dialison, Cleber Vitti, Vitti, #DialisonCleberVitti, @dcvitti, dcvitti, #blogdodcvitti, Ilhota, 2014, Newsletter, Feed

O que é o Marco Civil da internet e como ele pode afetar a vida de um fotógrafo em relação aos seus direitos autorais.

O Marco Civil da Internet ou Lei 12.965/2014, é a norma que estabelece princípios, garantias, direitos e deveres para o uso da internet no Brasil. Tem como grandes bandeiras a defesa da liberdade de expressão, a privacidade dos usuários e a neutralidade da rede. Os direitos autorais, especificamente, não são uma grande preocupação do Marco Civil da Internet, pelo contrário, nos artigos 19, § 2º e 31, há expressa menção de que a infração de direitos autorais continuará a ser disciplinada pela Lei de Direitos Autorais, a atual; ou a nova, que ainda está por vir.

Na verdade, o que o Marco Civil da Internet quer dizer é que as regras sobre se os provedores serão responsabilizados, e a forma como isso deverá acontecer ou não, em casos de violação de direitos autorais, foram deixadas para regulamentação da lei específica, no caso, a Lei de Direitos Autorais. Vale lembrar que a Lei de Direitos Autorais em vigor, Lei 9.610/98, nada dispõe sobre as violações ocorridas especificamente na internet e que, quando o Marco Civil da Internet declara que é esta a Lei que determinará como os provedores serão responsabilizados, ele o faz pensando que “em breve” teremos uma Lei de Direitos Autorais mais atual.

Porém, mesmo com o Marco Civil da Internet não regulando a internet especificamente no que se relaciona aos direitos autorais, poderemos ter algumas implicações ligadas a tais direitos, especialmente quando se fala em guarda de dados daqueles que comentem infrações. Isso porque, o Marco Civil da Internet prevê que os provedores de aplicação (fornecedores das funcionalidades que podem ser acessadas por meio de um terminal conectado à internet) não têm obrigação de guardar os registros de acesso, se não houver ordem de alguma autoridade. Ou seja, Facebook, Google, Tumblr, Instagram, Yahoo, Hotmail, Youtube, etc., não têm obrigação de manter os registros de quem acessou seus sites. Assim, se uma infração de direito autoral já tiver ocorrido, não será possível identificar quem exatamente a cometeu, dificultando, assim, a punição do responsável.

A identificação exata só será possível se alguma autoridade estiver investigando algo e, após requerer aos provedores de aplicações que mantenham o registro dos dados do usuário, o sujeito venha a cometer alguma nova infração. Mas, as infrações cometidas em data anterior ao requerimento não terão a identificação exata do infrator. Por exemplo, se houver uma infração a partir de determinada conta de e-mail e o infrator nunca mais acessar aquela conta, não será possível identificá-lo com exatidão. Ou seja, se o infrator cria uma nova conta de e-mail para cada infração, dificultará, e muito, a sua identificação. E, como muitos dos que violam direitos autorais são especialistas nesse tipo de infração, acredita-se que poderão se aproveitar dessa situação para cometer crimes e violações impunemente.

De qualquer maneira, o Marco Civil da Internet tem sido bastante elogiado, por isso, é importante dar um tempo a essa nova Lei e observar como é vai produzir seus efeitos na sociedade, para então avaliar seus benefícios e malefícios. E mais do que isso, a experiência adquirida com o Marco Civil da Internet poderá ser utilizada de maneira positiva no Projeto da próxima Lei de Direitos Autorais que está em discussão no Ministério da Cultura.

Um pouco da Lei

Art. 19.  Com o intuito de assegurar a liberdade de expressão e impedir a censura, o provedor de aplicações de internet somente poderá ser responsabilizado civilmente por danos decorrentes de conteúdo gerado por terceiros se, após ordem judicial específica, não tomar as providências para, no âmbito e nos limites técnicos do seu serviço e dentro do prazo assinalado, tornar indisponível o conteúdo apontado como infringente, ressalvadas as disposições legais em contrário. (…)

§ 2o A aplicação do disposto neste artigo para infrações a direitos de autor ou a direitos conexos depende de previsão legal específica, que deverá respeitar a liberdade de expressão e demais garantias previstas no art. 5º da Constituição Federal.

Art. 31.  Até a entrada em vigor da lei específica prevista no § 2º do art. 19, a responsabilidade do provedor de aplicações de internet por danos decorrentes de conteúdo gerado por terceiros, quando se tratar de infração a direitos de autor ou a direitos conexos, continuará a ser disciplinada pela legislação autoral vigente aplicável na data da entrada em vigor desta Lei.

Artigo chupado da Editora Photos 

😀