Dia 18 de agosto tem Congresso do Povo em Blumenau

Congresso do Povo Brasileiro

O que é o Congresso do Povo Brasileiro é uma maneira de nós o povo brasileiro convocar e instituir nosso próprio Congresso, como parte de um grande processo pedagógico das massas populares. Esse processo deve ajudar a politizar a sociedade, a entender este momento político, e que nos desafie a identificar as saídas desta crise e as formas de se organizar para construir estas saí- das, derrotando os golpistas e sobre estes, construirmos um Projeto de Brasil.

Este movimento de formação popular que luta pela Garantia da Democracia e visa construir “com o povo e para o povo” um projeto de nação – que Brasil você quer para você, parentes, filhos e netos? O Congresso do Povo é a retomada de conversas para que compreendamos que sem Mobilização e Organização da sociedade, não conseguiremos conquistar, manter e ampliar nossos direitos.

Os objetivos desta organização em Blumenau são:

  • Criar comitês da frente Brasil popular;
  • Discutir o país que se quer;
  • Debater política, sociedade e economia brasileira, bem como identificar as saídas para esta crise;
  • Conscientizar o povo na defesa dos seus direitos, da democracia e da soberania popular sobre os recursos naturais: petróleo, minérios, água, terra, biodiversidade, alimentos.

Serviço

  • Data: 18/08/2018
  • Horário: das 14h às 18h
  • Local: Galpão de Arquitetura – Furb
  • Confirme sua presença: https://www.facebook.com/events/2149304541778274

Anúncios

Conheça o IDMS 2016 de Ilhota e das cidades da região da Amfri

Mercado tem que ter sustentabilidade

O IDMS é uma ferramenta para a aplicação do conceito de desenvolvimento municipal sustentável construído a partir de uma série de indicadores considerados fundamentais para diagnosticar o grau de desenvolvimento de um território.

Esse índice, ao avaliar o desenvolvimento, configura-se como uma ferramenta de apoio à gestão capaz de evidenciar as prioridades municipais e regionais e situar as municipalidades em relação a um cenário futuro desejável.

A sustentabilidade é entendida como o desenvolvimento equilibrado das dimensões Social, Cultural, Ambiental, Econômica e Político-institucional.

Ilhota

  • IDMS: 0,607
  • Associação: AMFRI
  • Secretaria Regional: ADR Blumenau
  • Área: 253 km² (fonte: IBGE/2010)
  • População: 13.676,00 (fonte: IBGE/Censo/2016)
  • Eleitores: 10.925 (fonte: TSE/2016)
  • PIB: R$ 447.291,38 (fonte: IBGE/2014)
  • Link do relatório completo: http://bit.ly/2hWy1Ap

IDMS 2016 - Ilhota

Balneário Camboriú

  • IDMS: 0,687
  • Associação: AMFRI
  • Secretaria Regional: ADR Itajaí
  • Área: 47 km² (fonte: IBGE/2010)
  • População: 131.727,00 (fonte: IBGE/Censo/2016)
  • Eleitores: 91.574 (fonte: TSE/2016)
  • PIB: R$ 4.445.241,01 (fonte: IBGE/2014)
  • Link do relatório completo: http://bit.ly/2hXx3Uk

IDMS 2016 - Balneário Camboriú

Balneário Piçarras

  • IDMS: 0,645
  • Associação: AMFRI
  • Secretaria Regional: ADR Itajaí
  • Área: 99 km² (fonte: IBGE/2010)
  • População: 21.253,00 (fonte: IBGE/Censo/2016)
  • Eleitores: 15.814 (fonte: TSE/2016)
  • PIB: R$ 479.886,06 (fonte: IBGE/2014)
  • Link do relatório completo: http://bit.ly/2hVi4KP

IDMS 2016 - Balneário Piçarras

Bombinhas

  • IDMS: 0,754
  • Associação: AMFRI
  • Secretaria Regional: ADR Itajaí
  • Área: 34 km² (fonte: IBGE/2010)
  • População: 18.052,00 (fonte: IBGE/Censo/2016)
  • Eleitores: 13.262 (fonte: TSE/2016)
  • PIB: R$ 451.510,17 (fonte: IBGE/2014)
  • Link do relatório completo: http://bit.ly/2hVi4KP

IDMS 2016 - Bombinhas

Camboriú

  • IDMS: 0,661
  • Associação: AMFRI
  • Secretaria Regional: ADR Itajaí
  • Área: 215 km² (fonte: IBGE/2010)
  • População: 76.592,00 (fonte: IBGE/Censo/2016)
  • Eleitores: 42.669 (fonte: TSE/2016)
  • PIB: R$ 974.358,23 (fonte: IBGE/2014)
  • Link do relatório completo: http://bit.ly/2hVEU4Y

IDMS 2016 - Camboriú

Itajaí

  • IDMS: 0,766
  • Associação: AMFRI
  • Secretaria Regional: ADR Itajaí
  • Área: 289 km² (fonte: IBGE/2010)
  • População: 208.958,00 (fonte: IBGE/Censo/2016)
  • Eleitores: 143.201 (fonte: TSE/2016)
  • PIB: R$ 17.128.932,09 (fonte: IBGE/2014)
  • Link do relatório completo: http://bit.ly/2hYEdHQ

IDMS 2016 - Itajaí

Itapema

  • IDMS: 0,706
  • Associação: AMFRI
  • Secretaria Regional: ADR Itajaí
  • Área59 km² (fonte: IBGE/2010)
  • População: 59.147,00 (fonte: IBGE/Censo/2016)
  • Eleitores: 37.853 (fonte: TSE/2016)
  • PIBR$ 1.363.896,10 (fonte: IBGE/2014)
  • Link do relatório completo: http://bit.ly/2hVF780

IDMS 2016 - Itapema

Luiz Alves

  • IDMS: 0,599
  • Associação: AMFRI
  • Secretaria Regional: ADR Blumenau
  • Área: 260 km² (fonte: IBGE/2010)
  • População: 12.162,00 (fonte: IBGE/Censo/2016)
  • Eleitores: 8.799 (fonte: TSE/2016)
  • PIB: R$ 470.846,90 (fonte: IBGE/2014)
  • Link do relatório completo: http://bit.ly/2hYETgm

IDMS 2016 - Luiz Alves

Navegantes

  • IDMS: 0,753
  • Associação: AMFRI
  • Secretaria Regional: ADR Itajaí
  • Área: 111 km² (fonte: IBGE/2010)
  • População: 74.964,00 (fonte: IBGE/Censo/2016)
  • Eleitores: 46.326 (fonte: TSE/2016)
  • PIB: R$ 3.682.249,10 (fonte: IBGE/2014)
  • Link do relatório completo: http://bit.ly/2hW6sHj

IDMS 2016 - Navegantes

Penha

  • IDMS: 0,616
  • Associação: AMFRI
  • Secretaria Regional: ADR Itajaí
  • Área: 62 km² (fonte: IBGE/2010)
  • População: 30.262,00 (fonte: IBGE/Censo/2016)
  • Eleitores: 20.987 (fonte: TSE/2016)
  • PIB: R$ 505.115,98 (fonte: IBGE/2014)
  • Link do relatório completo: http://bit.ly/2hVZOke

IDMS 2016 - Penha

Porto Belo

  • IDMS: 0,726
  • Associação: AMFRI
  • Secretaria Regional: ADR Itajaí
  • Área: 96 km² (fonte: IBGE/2010)
  • População: 19.744,00 (fonte: IBGE/Censo/2016)
  • Eleitores: 12.853 (fonte: TSE/2016)
  • PIB: R$ 1.118.772,32 (fonte: IBGE/2014)
  • Link do relatório completo: http://bit.ly/2hWctE2

CIDADES CIRCUNVIZINHAS DE ILHOTA

Gaspar

  • IDMS: 0,713
  • Associação: AMMVI
  • Secretaria Regional: ADR Blumenau
  • Área: 387 km² (fonte: IBGE/2010)
  • População: 66.213,00 (fonte: IBGE/Censo/2016)
  • Eleitores: 44.283 (fonte: TSE/2016)
  • PIB: R$ 2.392.250,25 (fonte: IBGE/2014)
  • Link do relatório completo: http://bit.ly/2hWor0j

IDMS 2016 - Gaspar

Blumenau

  • IDMS: 0,754
  • Associação: AMMVI
  • Secretaria Regional: ADR Blumenau
  • Área: 520 km² (fonte: IBGE/2010)
  • População: 343.715,00 (fonte: IBGE/Censo/2016)
  • Eleitores: 230.368 (fonte: TSE/2016)
  • PIB: R$ 16.767.107,12 (fonte: IBGE/2014)
  • Link do relatório completo: http://bit.ly/2hWmbGo

IDMS 2016 - Blumenau

Brusque

  • IDMS: 0,726
  • Associação: AMMVI
  • Secretaria Regional: ADR Brusque
  • Área: 283 km² (fonte: IBGE/2010)
  • População: 125.810,00 (fonte: IBGE/Censo/2016)
  • Eleitores: 84.654 (fonte: TSE/2016)
  • PIB: R$ 5.394.834,78 (fonte: IBGE/2014)
  • Link do relatório completo: http://bit.ly/2hWDXcy

IDMS 2016 - Brusque

Fonte

Blumenau será sede do 2º Congresso Catarinense de Cidades Digitais

Rede Cidade Digital - Etapa Blumenau

Inscrições para o evento já estão abertas e são gratuitas para servidores públicos

A famosa Vila Germânica, em Blumenau, será o ponto de encontro de prefeitos, gestores e vereadores para tratar de tecnologia e inovação nos municípios do Estado. A Prefeitura de Blumenau e a Rede Cidade Digital (RCD) firmaram parceria para realização do 2º Congresso Catarinense de Cidades Digitais, nos dias 22 e 23 de Junho, evento que visa estimular o uso das Tecnologias da Informação e Comunicação no desenvolvimento socioeconômico das localidades.

As inscrições para o evento já estão abertas e são gratuitas para servidores públicos. Elas podem ser feitas pelo site http://congressosc.redecidadedigital.com.br.

Segundo o diretor da RCD, José Marinho, a escolha de Blumenau deve-se aos esforços e investimentos feitos ao longo dos últimos anos no sentido de ampliar a comunicação na localidade e melhorar o atendimento à população por meio da tecnologia. Além da participação e apresentação do modelo de cidade digital em diversos eventos da RCD no Sul do país, Blumenau foi sede de um encontro regional em 2015 direcionado para a região do Médio Vale do Itajaí, o qual reuniu representantes de 23 municípios.

A primeira edição do Congresso de Cidades Digitais de Santa Catarina aconteceu em Florianópolis, em Junho de 2016, reunindo mais de 100 municípios e 400 pessoas, entre elas representantes de outros estados interessados em obter informações sobre como aprimorar os serviços públicos com tecnologia.

O diretor da RCD explica que os eventos promovidos pela iniciativa diferenciam-se dos demais relacionados ao tema por aproximar-se mais da realidade dos municípios, com a apresentação de soluções práticas, cases e por propor melhorias tangíveis para a gestão pública, relacionando-se com as demandas reais do setor público e do perfil das cidades brasileiras. “Outro diferencial é de colocar em contato gestor público com gestor público, oportunizando a troca de informações e networking, além do acesso ao mercado fornecedor de tecnologia e interessado em levar soluções que visam eficiência da máquina municipal, aumento de arrecadação, redução de custos e o mais importante que é o de melhorar a vida das pessoas por meio da implantação de processos de cidade digital e inteligente”, frisa Marinho.

Serviço

2º Congresso Catarinense de Cidades Digitais
Blumenau, 22 e 23 de Junho
Inscrições gratuitas para servidores públicos
congresso@redecidadedigital.com.br
http://congressosc.redecidadedigital.com.br

Treze fotomontagens comparam a Blumenau da enchente de 1983 com os dias atuais

fotomontagens da enchente de 1983 em Blumenau

fotomontagens da enchente de 1983 em Blumenau

fotomontagens da enchente de 1983 em Blumenau 03 fotomontagens da enchente de 1983 em Blumenau 04 fotomontagens da enchente de 1983 em Blumenau 05 fotomontagens da enchente de 1983 em Blumenau 06 fotomontagens da enchente de 1983 em Blumenau 07 fotomontagens da enchente de 1983 em Blumenau 08 fotomontagens da enchente de 1983 em Blumenau 09 fotomontagens da enchente de 1983 em Blumenau 10 fotomontagens da enchente de 1983 em Blumenau 11 fotomontagens da enchente de 1983 em Blumenau 12 fotomontagens da enchente de 1983 em Blumenau 13

O site do Jornal de Santa Catarina publicou uma série de 13  fotomontagens em que comparam a cidade Blumenau durante a castigante enchente de 1983 que assombrou toda região com os dias atuais. As fotos desta galeria são resultado de uma fusão de imagens impactantes da cheia com a vida atual no Vale do Itajaí. A produção foi inspirada na série da historiadora holandesa Jo Hedwig Teeuwise, intitulada Ghosts of War, feita em 2012.

Edital para duplicação da BR-470 entre Navegantes e Ilhota

O edital para duplicação da BR-470, entre Navegantes e Ilhota foi lançado. A licitação para as empresas interessadas foi aberta em primeiro de maio e os envelopes com os valores  abertos em 21 de junho, em Florianópolis.

O projeto na rodovia catarinense é feito em lotes separados, sendo que a licitação somente é aberta após a conclusão das demais partes. Entre o trecho de Navegantes a Blumenau há quatro lotes, diferente da área entre Blumenau e Gaspar, que será realizado em três. As empresas responsáveis já estão definidas. O lote 2, entre Ilhota e Gaspar, ainda depende de conclusão do projeto executivo. A previsão é que este edital seja lançado até o fim de maio.

No dia 23 de abril, a empresa responsável pela duplicação do lote quatro da BR-470, entre Blumenau e Indaial,  foi definida. Entre seis empresas participantes, as propostas, em valores, foram abertas na sede do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). O trecho é entre o km 57,7 e 73,18 e será coordenado pela empresa Sul Catarinense, que apresentou o valor de R$ 205.915,971 milhões.

Financiamento coletivo da trilogia dos Parachamas

Financiamento coletivo da trilogia dos Parachamas

Mais uma dos catarinenses de Blumenau Parachamas e dessa vez pedem nossa ajuda coletiva para financiar a produção da trilogia de todos os materiais da banda desde o início, que são 3 EPs para ser registrado em um único compact disc, 16 músicas massas de Rock e Powerpop com elementos de Ska.

Sobre o projeto

Referência do rock independente de Santa Catarina, o Parachamas formado em 2006 mescla influências como rock alternativo, powerpop e elementos de ska para alcançar uma sonoridade “popular” e “agradável” sem perder o “peso” underground.

O Parachamas tem 3 EPs lançados até o momento, todos de forma independente e cada um de uma maneira diferente. O primeiro era reproduzido em casa conforme os shows aconteciam, o segundo foi prensado num envelope de papelão e o terceiro foi divulgado e distribuído apenas na internet.

Para dar continuidade ao nosso trabalho, resolvemos juntar todas nossas músicas em um único disco. A “Trilogia” do Parachamas, além de reunir as músicas dos nossos três EPs em uma compilação, conta ainda com o projeto gráfico assinado pelos amigos da Hearts Bleed Blue. Essa é uma forma única de apresentarmos todos os momentos pelos quais a banda passou em sua fase inicial.

Para a realização desse projeto precisamos arrecadar R$ 5.906,00. Abaixo colocamos uma lista detalhada com os gastos do projeto:

  • 
R$ 4.000,00 para prensagem do CD e projeto gráfico (remuneração dos artistas e material utilizado).
  • R$ 800,00 para a realização das recompensas.
  • R$ 450,00 para a entrega das recompensas.
  • R$ 656,00 para cobrir taxas.

Biografia do Parachamas

A banda, que foi formada na cidade de Blumenau em 2006 e nunca se preocupou com rótulos e estilos, pelo contrário, sempre buscou mesclar o maior número de influências possíveis, como rock alternativo, powerpop e elementos de ska, alcançando assim uma sonoridade que podemos chamar de “popular” e “agradável” sem perder o “peso” underground.

Nesta caminhada a banda dividiu palco com grandes nomes do rock nacional, tanto na cena pop quanto na cena underground, como Moptop, Autoramas e Tequila Baby, entre outro; participou de grandes eventos como o 1º Floripa Noise Festival; com a Tour 2008 de lançamento do EP “Bem Vindo” fez mais de 30 shows, além de uma excelente participação no programa “Cachorro Grande Procura” – um Reality Show da MTV Brasil.

“Bem Vindo”, o primeiro EP da banda, foi gravado em 2008, e eleito pelo site Zona Punk como a melhor Demo Independente lançada em 2008 no Brasil. “Esta é sem duvidas uma das grandes revelações de 2008. Letras de qualidade, harmonias envolventes, metais afinados, tudo o que as vezes falta em alguns conjuntos do estilo, o Parachamas tem de sobra.” (Wlad Cruz)

Nosso segundo trabalho, “Volte Sempre”, foi gravado em 2010 e produzido por James Zoschke (Madeixas).

Em 2011 nos mudamos para São Paulo, onde moramos até hoje, para gravar “O Último EP”, que foi distribuído apenas pela internet.

Escute nossas músicas e entenda porque queremos realizar este projeto: http://soundcloud.com/parachamas

Apesar de menor, nova ponte de Gaspar vai custar mais caro que a Ponte do Badenfurt

Ponte do Vale de Gaspar

A empresa mineira M. Martins apresentou o menor preço para construir a Ponte do Vale em Gaspar. Ela pediu R$ 42,1 milhões e, por enquanto, é a vencedora do processo de licitação. A prefeitura vai aguardar o prazo para recursos, de cinco dia úteis, para homologar o resultado.

Ouviu-se em dizer lá pras bandas dos Gaspar muita gente questionando os valores. A comparação com a Ponte do Badenfurt, em Blumenau, é inevitável.

Ambas as pontes terão 360 metros de vão com quatro pistas, mas a do Badenfurt — que vai custar R$ 32 milhões — tem mais de 1,5 quilômetro de acessos contra 400 metros na Ponte do Vale. No Badenfurt também haverá uma segunda ponte de 80 metros sobre o Rio do Testo. Mesmo assim, a ponte de Gaspar é 30% mais cara.

Ponte do Vale de Gaspar

A Ponte de Ilhota, que fará a ligação entre as duas margens do rio Itajaí-Açú, constará a empreiteira contratada o total de R$ 32.535.928,11. Além disso, a construtora deverá executar a terraplanagem do terreno, pavimentação asfáltica, drenagem, obras de arte, sinalização e obras complementares. A ponte de lhota terá 480 metros ligará a Rodovia Jorge Lacerda (SC-470) à BR-470. Entre ponte e acessos são 2,4 km de extensão. Ao todo foram desapropriados 235 mil metros quadrados de terra.

Orçamento padrão

O secretário de Obras de Gaspar, Soly Waltrick, diz que o orçamento foi feito pela Iguatemi, empresa contratada para elaborar o projeto executivo. Waltrick explica que os preços seguem tabela de referência nacional e já foram validados pelos engenheiros da Caixa Econômica Federal. Para o secretário, vários fatores técnicos podem justificar a diferença, como as condições do solo e do leito do rio onde serão fixados os pilares, que podem demandar mais trabalho ou material.

Governo do Estado investe R$ 7,7 milhões em saúde na região de Blumenau

Na autorização de construção de rodovia em Blumenau, governador defende investimentos em mobilidade

O governador Raimundo Colombo, acompanhado do secretário de Estado da Saúde, Dalmo Claro de Oliveira e do Secretário de Estado de Desenvolvimento Regional de Blumenau, Cleverton João Batista, assina na quarta-feira (9), o repasse de recursos no valor de R$ 7.761.186,67 para a saúde na região de Blumenau. A solenidade ocorre às 10h30, no auditório da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (Epagri), em Florianópolis (Rodovia Admar Gonzaga – 1347 – Itacorubi).

O Complexo de Saúde da Universidade Regional de Blumenau (Furb) receberá o valor de R$ 1 milhão, sendo R$ 300 mil para conclusão do Ambulatório e R$ 700 mil para aquisição de equipamentos e materiais permanentes.  A Furb já recebeu do governo estadual R$ 2,3 milhões. Em 2008 foi investido R$ 1,3 milhão nas obras de construção do hospital e em 2011 o Estado repassou mais R$ 1 milhão para compra de equipamentos e instalações elétricas.

O Hospital Santa Isabel receberá R$ 1.876.264,35 para a conclusão das obras de reforma e ampliação da UTI. Em 2011 o governo do Estado repassou o valor de R$ 1,2 milhão. Estes recursos garantirão 20 novos leitos de UTI no hospital.

A administração estadual investe no custeio e manutenção do Hospital Santo Antônio, em Blumenau. Com a assinatura do convênio o hospital receberá R$ 3.384.922,32 que será pago em 12 parcelas de R$ 282.076,86.

Também receberá ajuda financeira, no valor de R$ 1,5 milhão, o Hospital Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, de Gaspar. O recurso será aplicado em custeio e manutenção do Hospital. O valor será pago em 10 parcelas de R$ 150 mil.

IGP de Blumenau passa a realizar exames em substâncias entorpecentes

IGP de Blumenau

O IGP-Instituto Geral de Perícias de Blumenau passa a contar a partir do mês de maio com um Perito Criminal Bioquímico, que realizará a análise de substâncias entorpecentes apreendidas. Este profissional será responsável pela implantação do Instituto de Análises Forenses na região.

Toda droga apreendida na região de Blumenau será encaminhada ao perito que concluirá o laudo final num prazo de até 10 dias (prazo que antes levava cerca de 30 dias), evitando o deslocamento até Florianópolis para transporte da droga ao laboratório da sede e reduzindo o tempo de espera para a destruição da substância.

O Instituto Geral de Perícias é formado pelo Instituto de Análises Forenses (IAF), Instituto de Criminalística (IC), Instituto de Identificação Civil e Criminal (II), Instituto Médico Legal (IML) e a Academia de Perícia (Acape).

O IGP de Blumenau tem a sede localizada na Rua São Paulo, nº 1569 – bairro Vitor Konder e atende das 11h às 17h, de segunda a sexta-feira. O telefone para contato é o (47) 3340-1920.

Gaspar recebe a 93ª reunião do Conselho de Desenvolvimento Regional

Igreja matriz de Gaspar

Gaspar recebe, na sexta-feira (24), o Conselho de Desenvolvimento Regional para a 93ª Assembleia Ordinária. O encontro terá início às 9h e será no Hotel Raul’s (Rua Itajaí, nº 552 – Centro/Gaspar). Na pauta está a análise de 67 solicitações de apoio financeiro nas áreas de Cultura, Desenvolvimento Econômico, Esporte, Infraestrutura, Turismo e Saúde.

Também neste encontro o Diretor-Presidente do Seterb, Rudolf Clebsch, fará a apresentação do Projeto de Integração do Transporte Coletivo Regional para os conselheiros.

Conselho Regional

O Conselho de Desenvolvimento Regional conta com quatro conselheiros de cada município que compõe a Regional. O órgão conta ainda com a presença de um representante da Secretaria de Estado da Fazenda e três representantes da Secretaria de Segurança Pública e Defesa do Cidadão e é presidido pelo secretário de Estado de Desenvolvimento Regional de Blumenau.

Uma das atribuições do Conselho Regional é a aprovação de recursos estaduais para a realização de projetos em todas as áreas. Todos os investimentos do Governo do Estado na região de abrangência da Secretaria Regional de Blumenau precisam passar pela análise dos conselheiros. Esta é uma oportunidade de participação direta de representantes da comunidade no gerenciamento do recurso público.

As reuniões do CDR são mensais, abertas para a comunidade e ocorrem de forma itinerante entre os cinco municípios da região de abrangência da Secretaria Regional: Blumenau, Gaspar, Ilhota, Luiz Alves e Pomerode. Mais informações sobre o CDR podem ser acessadas pelo site  www.bnu.sdr.sc.gov.br.