Nova composição do COMED Ilhota só possui representações ligados ao governo municipal

Novo COMED

Como faço sempre, perco algumas horas do meu precioso dia para ler os boletins legais da Prefeitura de Ilhota no DOM. Hoje tô aqui de boas lendo aquilo que foi publicado ontem, 09/08/2019, na edição 2898 do #DiárioOficialDosMunicípios, e vi aqui a nova composição do Conselho Municipal de Educação, nomeando só pessoas com vínculos empregatícios e conchavos da Prefeitura de Ilhota (fora as duas professoras da rede estadual). Aí fica fácil pra dizer que a educação no município está uma mil maravilha mesmo… não há ninguém pra questionar nada!

Então… de acordo com o Decreto Nº 446, de 8 de agosto de 2019, que nomeou os membros do Conselho Municipal de Educação, o Conselho Municipal de Educação ficou assim composto com os seguintes membros:

I – Representantes da Secretaria Municipal de Educação:
Titular: Elaine Cristina Custódio
Titular: Joseane Aparecida Debarba Vieira
Suplente: Silvana Mansoto
Suplente: Raquel Lessa Papp

II – Representante da Associação de Pais e Professores – APP:
Titular: Josilene Constante Wippel
Suplente: Geovana Bonfim da Fonseca

III – Representante dos Professores de Ensino Fundamental da Rede Municipal de Ensino de Ilhota:
Titular: Luciana Mansoto
Suplente: Rosecléia Berti

IV – Representante da Rede Estadual de Ensino
Titular: Adriana Cordeiro Dalcastagne
Suplente: Ereni Radeck

V – Representante da Administração Municipal
Titular: Paulo Roberto Drum
Suplente: Joni Everton de Oliveira Pereira

VI – Representante da Educação Infantil
Titular: Carla Aparecida da Fonseca Glovaski
Suplente: Valeria Costa da Silva

Isso sim é representatividade, governo atuante com a comunidade, séria na transparência e na responsabilidade social, nem sabemos quando e onde são feitos as reuniões desse conselho… acho que vou começar a usar o serviço da Ouvidoria do município para obter essas informações.

Vivendo em tempos obscuros na democracia. Agora entendi qual o significado daquele “D” da sigla do partido do prefeito… é Ditadura. Se não tiver ninguém para participar deste conselho, chama que eu vô!

Quanto custou a festa dos 61 anos do município de Ilhota

Extrato de serviço 56 Prefeitura de Ilhota Extrato de serviço 57 Prefeitura de Ilhota

Até agora, aquela super e mega festa dos 61 anos do município, custou aos cofres públicos da Prefeitura de Ilhota R$ 8.300,00. As informações são oficiais e da própria Prefeitura, publicadas originalmente no Diário Oficial dos Municípios. Nada contra a festa nem ao valor, foi baratinho na verdade, mas bem que poderiam ter valorizado com maior ênfase esse importante atrativo cultural.

Nos tweets abaixo, constam as informações das ordens de serviço.

 

 

Muitas pessoas esperam pela festa da cidade, pois é graça e muitos trassem suas famílias e bebida de casa (é mais barato). Mas esse prefeito aí, no terceiro ano do seu mandato, só fez essa festinha. Acho que ano que vem vai bombar, até porque, ele quer ir pra reeleição e festa agrada o público, consequentemente, os eleitores, que tem memória de peixe e esquece a desgraça que foi a sua gestão na saúde, educação, infraestrutura… Depois reclamam que Ilhota não tem nada. Não tem nada mesmo! Quem tem o poder de fazer as coisas não faz e ainda, abandonaram a Fundação Cultural de Ilhota, inutilizando a principal fomentadora da nossa cultura local.

Festa dos 61 anos do município de Ilhota

Só espero que os artistas que se apresentaram nos shows (que durou menos de seis horas todo o evento), receberam o cachê conforme foi publicado nos extratos das ordens de serviços, sem terem que ter passado por nenhum atravessador. Só espero!

Ainda faltam publicarem os custos com os seguranças, estrutura (tenta, palco), sonorização e banheiros químicos. Não consegui observar nenhum outros itens que possam ter gerados despesas a Prefeitura. Outros sumptos, podem ter sido pagos por fontes diversas, através de doações, por empresários, que se solidarizaram com a causa e compartilharam o pagamentos dos custos da festa. Isso pode ter acontecido, eu acho. Não vi em nenhum lugar qualquer prestação de contas da festa. Mas como trabalham tudo na obscuridade, tudo é possível em nossa imaginação. Fazer prestação de contas dá um trabalho… publicar isso e torna público é pior ainda. Se você notou algo diferente não citado aqui neste post, comente!

Festa dos 61 anos do município de Ilhota

Para concluir, faz tempo que não tivemos mais a estraatfest, o stammtisch na versão belga, pelo menos, nesta gestão eu não vi. Era já por tradição fazer essa festa e reunir os grupos de amigos e famílias em confraternização na rua durante as festividades do município, que sempre terminava no domingo com essa atividade. Mas quem acabou com a cultura, não que ver seu povo comemorar seus costumes. Saudades das festas do município dos outros prefeitos.

( ._.)

Conselho da Cidade publica edital de convocação para reunião extraordinária no apagar das luzes do ano

Reunião extraordinária do Conselho da Cidade

De acordo com o Edital de Convocação publicado hoje (06/12) no DOM – Diário Oficial dos Municípios de Santa Catarina a recém criada Secretaria de Planejamento Urbano do Município de Ilhota, está chamando seus membros para, talvez, a última reunião do ano, que será extraordinária, na boca da noite, no apagar das luzes do ano. O estranho disso tudo é que o expediente administrativo do paço municipal é até às 13h, e a reunião foi chamada para às 17h, na sede do palácio do rei da cidade.

Carlos Eduardo Schmitt, secretário da pasta, convoca a reunião observando as atribuições legais da Portaria Nº. 172/2017, e a que dispõe a Lei Complementar Nº. 16/2007 que trata do Código Urbanístico do município de Ilhota para que o conselho possa deliberar sobre audiência pública Loteamento Jardins de Ilhota, expor andamento do plano diretor e assuntos diversos.

>>> Clique neste link e acesse o edital!

Portanto, vem aí mais um loteamento, pra felicidade dos ilhotenses. Será que esse empreendimento vai ser nos mesmo moldes daqueles que foram autorizados há um certo tempo atrás? Nossa cidade está preparada pra criação de tantos loteamentos assim? Isso, na verdade é saudável pra um cidade que parou no tempo e retroagiu 12 anos? Será? Cuidem com o GAECO, heim!!!

Bom, eu não sei responder essas perguntas, mas pelo menos os gestores da prefeitura respeitaram a democracia e publicaram o edital, pelo menos isso. Publicaram, porque é lei, se não… #foiportióilhotaquerida