Moradores de Ilhota reclamam de infestação de mosquitos

Reportagem da Rictv Record exibido no programa Balanço Geral Itajaí aborda a notícia em que a emissora mostrou tempos atrás uma infestação de mosquitos no loteamento Santa Regina ,em Itajaí. Mas no bairro Pedra de Amolar, em Ilhota, tem moradores que passam por uma situação ainda pior. É tanto mosquito, que as famílias dizem estar intoxicadas de tanto usar repelente.

Anúncios

Assista a reportagem em que o professor de Ilhota é afastado após exibição de filme na escola da Minas

Vídeo da reportagem que foi ao ar no programa Balanço Geral da Rictv Record SC em que tratava da repercussão catastrófica do caso da Escola Municipal José Elias de Oliveira, no bairro Minas. Segundo a matéria jornalística, o professor de Ilhota é afastado das funções após exibição de filme em que uma aula deu o que falar na região. O professor foi afastado das funções, depois de exibir durante a aula de ciências, um filme com cenas impróprias para os adolescentes. O repórter Jonas Augusto tem todas as informações. Assista o vídeo.

Polícia Civil e Militar prendem irmãos suspeitos de cometerem crimes em Ilhota

Operação foi realizada em conjunto com as polícias Civil e Militar na manhã do dia 3/11, em Ilhota levou à prisão dos irmãos Elias Linhares e Elizeu Linhares em uma residência localizada no bairro Vila Nova, em Ilhota.

Morador de Ilhota fez um transplante de córnea e foi entrevistado pela RIC Record

O dia 27 de setembro comemorou-se o Dia Nacional do Doador de Órgãos. O Jornal do Meio-Dia da RIC Record de Itajaí contou a história de um morador de Ilhota, seu Honorato Delfino Rosa, o popular “Ato”, um senhor de 65 anos que fez um transplante de córnea depois de perder a visão do olho esquerdo em um acidente de carro. Honorato foi vereador na cidade por três mandatos e um dos nossos conhecido das antigas, amigo da família e pai de uns dos meus amigos de infância lá dos tempos de Pedra de Amolar. A cirurgia foi realizada em Itajaí, no Hospital Marieta Konder Bornhausen, onde faz a captação de órgãos e realiza transplante de córnea. Na segunda-feira, desta semana, conversei com o Ato e me contou do transplante e da entrevista. Hoje, resolvi de postar a matéria no blog. É hilário e até engraçado olhar pra ele, pois está com um olho diferente do outro. Ele não sabe quem foi o doador, mas por brincadeira, disse que era de um alemão. Comentei com ele que sou doador de sangue, me cadastrei no banco nacional de doador de medula óssea e quando morrer, quero doar todos os meus órgãos. Ato ficou feliz em ouvir isso de mim. Está aí um bom exemplo para nós poder ajudar o próximo de verdade.

Um misterioso objeto cai do céu em Ilhota

Esse trágico acidente aconteceu no dia 14 de novembro de 2015, na localidade de Pedra de Amolar, interior da cidade de Ilhota, bairro onde vivi minha infância. Conheço as pessoas envolvidas no caso. A situação curiosa chamou a atenção de moradores.

De acordo com a matéria que foi ao ar no programa Jornal do Meio-Dia da RIC TV de Itajaí, seu João saiu de casa para pescar na manhã daquele sábado e quando voltou, por volta das 9h30, foi surpreendido por um objeto de ferro na sala. A peça, que caiu no telhado, chegou a quebrar o forro da casa. O assunto movimentou a cidade, e a suspeita dos moradores era que fosse uma peça de avião, mas a Infraero negou a partir da perícia de mecânicos.

Tenho duas possibilidades para isso. Uma é que ali próximo, atrás da casa onde a suspeita peça misteriosa que caiu dos céus, funcionava a oficina mecânica do seu Dé Cordeiro, popular personagem e grande amigo da Pedra. Dé, que era mecânico, fazia muitos consertos em caminhões e caros grandes e essas pessoas não tem o costume de recolher as sobras dos serviços/peças e jogarem no lixo correto. É mais fácil e conveniente deixarem em qualquer lugar. Eu imagino que isso seja alguma peça mecânica de um conjunto do motor automotivo, sendo uma peça do platô da embreagem. Minha suspeitas é que alguns moleques que por ali brincavam, acharam a peça, jogaram para cima e caiu na casa, causando o estrago. Só acho! Outra suspeita é que ali no bairro é rota de aviões. O aeroporto de Navegantes é bem próximo, e por ali, a comunidade já está acostumada a acompanhar o grande fluxo de taxiamento de aviões que estão preparando para o pouso. Faz sentido ser uma peça de uma avião.

Bom! Uma lógica real podemos concluir nisso… coisa de ET não é, até porque ET usam parafusos e chaves sextavados, ETs usam chaves Allen.

😀