Faça seu próprio Keep Calm And…

dcvitti e seu keep calm and crie o seu cartaz

A arte com fundo colorido, desenho de uma coroa e as palavras “Keep calm and…” é conhecida no mundo inteiro. Neste tutorial, vamos te ensinar a fazer seu próprio cartaz em poucos passos, utilizando o gerador online Keep Calm o matic.

Na Internet, o pôster é parodiado diariamente e postado em redes sociais como Tumblr e Facebook. O cartaz foi produzido pelo governo britânico na época da Segunda Guerra Mundial com o objetivo de motivar a população caso os nazistas invadissem a Grã-Bretanha com o conselho: “Fique calmo e siga em frente”.

O cartaz original "Keep calm and carry on" (Foto: Reprodução)

Passo 1

Abra o gerador e modifique os dizeres nas cinco linhas do cartaz. No caso, vamos usar a frase: “Keep calm and acesse o TechTudo”, mas você pode modificar o texto como quiser. É importante manter as palavras em caixa alta;

Modificando o cartaz como desejar (Foto: Reprodução)

Passo 2

Agora, vamos escolher as cores do fundo e do texto. No nosso pôster, vamos usar branco para o fundo e laranja para o texto. Para modificar, basta clicar no círculo colorido ao lado de “back color” e “text color”, um círculo com várias opções se abrirá. Selecione a cor e o tom desejados. Se preferir, você pode mudar o fundo da imagem e enviar uma foto do seu computador clicando no ícone “background image”, no lado direito da página;

Escolhendo as cores do cartaz (Foto: Reprodução)

Passo 3

Você pode alterar o tipo e o tamanho da fonte, mas aconselhamos usar “KEEP CALM” (primeira opção) e o tamanho “44 px por 96 px”, como na imagem abaixo;

Selecionando o tipo e o tamanho da fonte (Foto: Reprodução)

Passo 4

Selecione a logo, que aparecerá acima do seu texto. Você pode manter a coroa ou escolher outros desenhos, clicando em cima da logo. É possível ainda enviar uma imagem do seu computador para fazer parte do seu cartaz. Para o nosso, escolhemos a câmera fotográfica;

Optando por um desenho que será a logo do seu cartaz (Foto: Reprodução)

Passo 5

Clique em “Generate my poster”, no canto inferior direito da página, para finalizar o seu cartaz e gerar a imagem.

Keep calm and faça seu próprio meme

O site Keep Calm O’Matic é uma ferramenta que permite que qualquer usuário crie uma versão de um dos memes mais famosos da Internet atualmente. Desde o original “Keep Calm And Carry On”, diversos outros modelos da frase britânica estão ganhando a web e agora é você quem pode criar um slogan bem humorado.

O processo não poderia ser mais simples. Basta entrar na página e clicar na opção “Create My Poster”. Você será redirecionado para a janela de edição do pôster. Nesta área, a primeira opção mostra cinco linhas de texto onde é possível editar as palavras que estarão no seu poster. Depois, ao lado, é a vez de ir para a paleta de cores e selecionar os tons das frases e do fundo da imagem. Abaixo, é possível escolher a fonte e o tamanho do texto.

Os últimos passos são selecionar as dimensões da imagem, a logomarca acima do texto (a tradicional é uma coroa) e também adicionar uma imagem de fundo caso você deseje. Depois de customizar tudo isso, clique em “generate my poster”. Em alguns segundos, o usuário é redirecionado para uma página onde pode visualizar o seu meme. Caso não tenha gostado, clique em “edit your poster”. Se ficou tudo certo, opte por “save and finish your poster”.

Pronto, você já criou o seu “Keep Calm”. Agora é só compartilhar com os amigos nas redes sociais!

Fonte: TechTudo http://www.techtudo.com.br/dicas-e-tutoriais/noticia/2012/07/como-fazer-um-keep-calm.html

Anúncios

Brasil sem vírus

Brasil sem vírus

Brasil sem vírusUma cruzada nacional para acabar com o título de país com uma das maiores taxas de computadores infectados do mundo.

Com o apoio do TechTudo e do CDI (Comitê para Democratização da Informática), o Movimento Brasil sem Vírus irá promover uma vacinação em massa. Além de vacinar o maior número de computadores contra ataques de vírus, hackers e programas espiões, ele irá alertar a população sobre navegação segura na internet.

A rede é uma importante ferramenta de transformação social e está cada vez mais presente em todos os lugares. Porém, ela tem um inimigo. Atualmente, 80% dos adultos brasileiros já foram vítimas de crimes na internet. Já são 220 mil vírus circulando no país! E, a cada 39 segundos, um hacker ataca um computador. Resumindo: qualquer um pode fazer parte dessa estatística, mesmo sem saber.

Aqueles que já têm antivírus também poderão participar: basta escolher a opção “Seja um voluntário” e espalhar o movimento para seus amigos e familiares. “Quanto mais gente se engajar, mais rápido a vacina chega aos usuários desprotegidos e mais rápido começamos a inverter o jogo”, convoca Nick Ellis, voluntário do Brasil sem Vírus e editor-chefe do TechTudo.

CDI

O CDI (Comitê para Democratização da Informática) é uma organização não governamental global, com sede no Brasil, que tem a missão de transformar vidas e fortalecer comunidades de baixa renda através do uso das tecnologias da informação e comunicação (TICs).

Pioneiro da inclusão digital na América Latina, o CDI usa a tecnologia para estimular o empreendedorismo e a cidadania, por meio de seus 821 CDIs Comunidade existentes no Brasil e no mundo. Em 16 anos, esse trabalho já impactou mais de 1, 368 milhão de vidas.

Atualmente, a ONG está presente em 13 países: Brasil, Argentina, Chile, Colômbia, Equador, Inglaterra, Jordânia, Madri, México, Peru, Uruguai, Venezuela e Estados Unidos, onde funciona um escritório de captação de recursos, network e divulgação do trabalho social promovido pelo CDI.

“A inclusão digital é fundamental para o desenvolvimento socioeconômico do Brasil, mas tem de estar vinculada à conscientização dos usuários sobre segurança digital e é esse processo que vamos apoiar com o Brasil sem Vírus”, diz Rodrigo Baggio, porta-voz do movimento e fundador do CDI.

Ele destaca que, como uma ONG referência na área de inclusão digital, o CDI tem o papel de ajudar no processo de conscientização de como utilizar a tecnologia de forma segura e responsável. “Se hoje os números são assustadores, imagine em quatro anos, quando 70% dos brasileiros deverão ter acesso à internet?”, alerta.

Seja um voluntário. Clique neste link