Você se lembra em todos os candidatos a prefeito e vereador que você já votou? Eu me lembro!

Eleições, Voto, Dialison, Dialison Cleber, Dialison Cleber Vitti, DialisonCleberVitti, Dialison Vitti, Dialison Ilhota, Cleber Vitti, Vitti, dcvitti, @dcvitti, #dcvitti, #DialisonCleberVitti, #blogdodcvitti, blogdodcvitti, blog do dcvitti, Ilhota, Newsletter, Feed, 2016, ツ

Eu voto desde os meus 16 anos e no ano em que fiz o meu título de eleitor, em 1994, era eleições gerais para presidente e governador, e meu primeiro voto foi pro Lula. Aquela eleição foi em cédula de papel. Nunca votei em branco e nunca anulei meu voto. Aqueles que tem entendimento do processo político, não pode, jamais, jogar o voto fora.

Minha primeira eleição municipal foi em 1996, a última eleição manual. De lá pra cá, foram 5 eleições municipais em que eu depositei meu voto. Compartilho aqui, os candidatos em que escolhi nos pleitos ao longo dos anos e exerci minha obrigação do voto direto e democrático, com o nome, partido e número.

1996
Vereador: Keka Laureno | PMDB – 15615 (não foi eleito, ficou suplente)
Prefeito: Betinho | PDT – 12 (foi eleito)

2000
Vereador: Murilo Cordeiro | PT – 13123 (não foi eleito)
Prefeito: Rogério do PT | PT – 13 (não foi eleito)

2004
Vereador: Calinho | PT – 13713 (não foi eleito)
Prefeito: Ademar Felisky | PMDB – 15 (foi eleito)

2008
Vereador: Calinho | PMDB – 15615 (foi eleito)
Prefeito: Ademar Felisky | PMDB – 15 (foi eleito)

2012
Vereador: Calinho | PMDB – 15615 (não foi eleito, ficou suplente)
Prefeito: Dr. Lucas | PMDB – 15 (não foi eleito)

Em 2016, será a minha sexta eleição e já sei em quem votar. Não estou mais indeciso e votarei novamente em dois candidatos em que já depositei o meu voto, mas com os cargos alternados. 20 anos depois, votarei para o Keka Laureano, mas agora para prefeito. Ao cargo de vereador, depois de 16 anos, irei votar no amigo e irmão, companheiro de muitas lutas Rogério Flor de Souza que uma vez votei para prefeito.

Compartilhe sua opinião e nos diga nos comentários em quem você votou. Abraços!

Anúncios

Ata da reunião da Cisp em Ilhota – 06062012

Logo da Comissão Intermunicipal de Segurança Pública - Cisp

Aos seis dias do mês de junho do ano de dois mil e doze a Comissão Intermunicipal de Segurança Pública se reuniu na sede da Câmara de Vereadores de Ilhota para debater a realização de um Seminário Regional de Segurança no Trânsito, o Presídio de Balneário Camboriú e o trabalho desenvolvido com detentas no Presídio Regional de Itajaí. A Presidente da CISP, Vereadora Susi Bellini, inicia a reunião agradecendo a presença de todos e passando a palavra ao Vereador da Casa, Carlos Henrique, que saudou os presentes. Na sequência, a Presidente convidou Santiago Martin Navia para iniciar a apresentação do Iº Seminário Regional de Segurança no Trânsito, que seria organizado pela CISP envolvendo entidades da região. A ideia apresentada por Santiago propõe que o Seminário aconteça na Sede da Amfri durante uma manhã, com palestras voltadas ao tema e debates, envolvendo escolas e secretarias municipais envolvidas com o trânsito. As inscrições do Seminário seriam gratuitas e os participantes receberiam certificado. Santiago ainda destaca que seria necessário angariar recursos para pagar os palestrantes e o café da manhã, que seria oferecido na abertura do Seminário. O projeto foi apresentado em data show com todos os detalhes. Após a explanação, o Vereador de Balneário Camboriú Dão Koeddermann, se manifestou favorável a campanhas de trânsito, “temos que investir nesta área, precisamos não só de seminários, mas de campanhas permanentes”, falou o Vereador Dão. O parlamentar ainda comenta sobre o fechamento do Presídio de Balneário Camboriú, “é uma luta de anos, e proponho que a CISP comece a trabalhar aquela área”. O Vereador de Balneário Camboriú, José Carlos Hannibal, sugere fazer uma campanha voltada para a conscientização e educação e prevenção dos motoqueiros. “Temos que começar agora para daqui a dez anos colhermos os frutos”, disse Hannibal. O parlamentar se declara a parceiro e apoiador do Seminário. A presidente Susi Bellini sugere convidar para o Seminário os agentes de trânsito mirins, apresentando o projeto também para outros municípios. “Em Itajaí e Balneário Camboriú o projeto já funciona e tem motivado as crianças”, fala Susi. O Secretário de Segurança Pública de Balneário Camboriú, Maurício C. Santos, parabenizou a CISP pela iniciativa do Seminário e sugeriu que a participação do Corpo de Bombeiros seja incluída, e também falou da importância de promover campanha regional voltada para prevenção de acidente de transito. O juiz Dr. Pedro Walicoski Carvalho, diz que educação no trânsito é fundamental, mas que o mais importante é envolver as crianças nestas campanhas, para que os resultados possam ser colhidos daqui a dez, quinze anos. “Temos que causar impacto para termos resultado”, fala Dr. Pedro. O juiz também sugeriu apresentar dados das secretarias de trânsito, SAMU, PM, BOMBEIROS e envolver todos estas entidades para que o Seminário dê certo, como também as autoescolas. O Vereador de Camboriú, Henrique Bertoldi, disse que campanhas para motociclistas e ciclistas devem acontecer frequentemente. O Vereador Carlos Henrique, de Ilhota, diz que apoia o Seminário e também solicita uma campanha para ciclistas, porque o número de ciclistas só cresce na cidade. Ele também informa que a cidade de Ilhota teve a inovação da Polícia Militar com novos efetivos e duas viaturas, recebendo mais atenção na área de segurança. O Vereador de Camboriú, José Rodrigues Pereira, falou que o motoqueiro deve ser envolvido porque hoje a moto é uma ferramenta de trabalho e o número de mototaxistas e entregadores só crescem. “Hoje já temos lei do mototaxista em Camboriú, de tantas motos que temos”, conclui Zé Branco, como é chamado. A suplente de Vereadora de Camboriú, Jane Steffen, sugere para o Seminário trabalhar imagens de impacto de acidentes de trânsito e envolver grupos de teatro. A Presidente Susi Bellini sugere alterar a data de realização do evento e definir melhor o público alvo, Susi propõe debater o assunto com Santiago e repassar aos demais. O Vereador Dão Koeddermann, volta ao assunto do Presídio de Balneário Camboriú e informa que o terreno é do Estado e sugere solicitar a doação do imóvel para o município para criar um complexo de segurança pública, reunindo serviços como central de segurança. Segundo Dão, o plano diretor da cidade permite a construção de prédios naquele local. O Vereador sugere que a CISP venha a debater alternativas de uso para o imóvel. Dr. Pedro lembra que o Governador do Estado, Raimundo Colombo, prometeu na inauguração da Penitenciária a construção do novo Presídio de Balneário Camboriú dentro do Complexo Penitenciário e até agora a obra não iniciou. O juiz também comenta que uma pequena confecção foi montada no Presídio Regional de Itajaí, com 13 máquinas de costura, já com projeto para ampliar para 27. “Só precisamos de mais espaço”, fala Dr. Pedro aos mostrar as fotos das detentas trabalhando na confecção. “Hoje temos 26 presas trabalhando em dois turnos, já demos um novo aspecto para aquele espaço”, diz Pedro. O juiz ainda informa que no Complexo da Canhanduba já foi iniciado o curso de solda e 90 detentos estão recebendo treinamento técnico através de parceria, com recursos da Prefeitura de Itajaí, com aulas téoricas e práticas. “Estamos precisando de mais um contêiner e de doação de livros”, fala Pedro, que ainda informa que os presos também já estão trabalhando a reciclagem. Santiago parabeniza Dr. Pedro e Susi Bellini pelo trabalho de ressocialização. Santiago ainda fala que os presídios são regionais, o da cidade de Balneário Camboriú foi fechado e um novo será construído em Itajaí, passando também a responsabilidade de gestão dos problemas para o município. Dr. Pedro diz que o presídio terá aproximadamente 362 vagas e que existe um fundo, que atualmente é gerenciado pelo juiz de execuções penais, mas “estamos elaborando como será gerenciado este fundo”, fala Pedro. A Presidente Susi Bellini agradeceu a presença de todos e encerrou a reunião convidando para a próxima a ser realizada em data a ser definida, sendo dia 20 ou dia 27 de junho na Câmara de Vereadores de Itapema. E por ser verdade, eu Elizângela Cardoso lavro esta ata que segue com lista de presença assinada por todos os participantes.

Câmara fará sessão itinerante no Alto Baú

A segunda sessão ordinária do ano reuniu sete vereadores e foi presidida pelo vereador Rogênio Luiz (PSDB), mais conhecido como Deno.

Jornal IlhotaUm requerimento do vereador Roberto Prebianca (PP), aprovado na sessão desta quarta-feira (22), autorizou a Câmara de Vereadores de Ilhota a realizar uma sessão itinerante no Alto Baú num prazo de 45 dias. De acordo com o parlamentar, o mesmo pedido foi feito no ano passado. “No entanto, a mesa diretora não realizou. Este encontro é extrema relevância para discussão e apreciação dos trabalhos realizados pelo legislativo. Na ocasião também poderemos debater assuntos de interesse da comunidade”. O vereador Calinho (PMDB) se mostrou solidário a iniciativa. “Devemos promover várias sessões itinerantes, contemplando todos os bairros do município”, enfatizou.A data ainda não foi definida.

Ainda durante a sessão, o vereador Calinho fez menção a criação do Jornal Ilhota, elogiando o trabalho do meio de comunicação na cidade. “É uma importante ferramenta para transmitir o anseio do povo e nos bem informar”, disse. Em seu discurso também abordou o redimensionamento da energia elétrica no interior. “A visita a sede regional da Celesc, juntamente com a secretária Ana Lucia Wilvert, foi muito importante. Pudemos ver através dos comentário da matéria veiculada no Jornal Ilhota, que as pessoas estão buscando estas melhorias”.

A segunda sessão ordinária do ano reuniu sete vereadores e foi presidida pelo vereador Rogênio Luiz (PSDB), mais conhecido como Deno. O presidente da mesa diretora, Luiz Peixe (PDT), não estava presente por motivos particulares. Apesar de Ilhota ter 12.355 habitantes,  apenas funcionários da casa e cinco moradores estiveram presente na sessão. Deno disse que está preocupado com a falta de participação da comunidade nas reuniões. “É muito importante que as pessoas participem ativamente de nossas sessões, pois assim saberão como é a atuação dos vereadores, o que discutimos e votamos, podendo assim, acompanhar de perto nossos trabalhos”.

Projetos

Na sessão desta quarta-feira (22), três projetos do executivo foram apresentados pela mesa diretora e encaminhados às comissões. O primeiro autoriza o poder executivo a firmar convênio e repassar valores a Associação Acadêmica de Ilhota – AACADI. Neste ano o executivo pretender aumentar o repasse, chegando a R$ 30 mil, divididos em oito parcelas. O segundo autoriza a prefeitura a firmar convênio e repassar valores para Apae. Já o terceiro permite que a prefeitura doe óleo diesel para Associaçõa dos Bombeiros Voluntários de Ilhota.

Prefeitura pede ampliação da rede de energia elétrica da cidade

Vereador Calinho e a secretária de administração Ana Lúcia Wilvert

Jornal IlhotaA secretária de administração e finanças de Ilhota, Ana Lúcia Wilvert, juntamente com o vereador Calinho, realizou uma reunião nesta semana com a Celesc Itajaí para solicitar a ampliação da rede de energia elétrica pública na área central de Ilhota. “Este encontro se fez necessário para que possamos proporcionar alternativas para o desenvolvimento social, visando o atendimento de toda comunidade”, comenta Ana.

Quem recepcionou os representantes da cidade foi o gerente regional Omar Bernardino Rebello, que prometeu analisar o caso. Segundo o vereador Calinho, o projeto será muito útil, principalmente para o bairro Ilhotinha. “A comunidade cresceu muito nos últimos anos e há a necessidade de expansão da rede, já que o bairro encontra-se com uma crescente expansão no ramo imobiliário”. Conforme Ana, a “expansão da energia elétrica é um compromisso do governo do estado, mas a prefeitura está investindo neste serviço para atender todos com igualdade”.

CISP encaminha ofício ao ao governador Raimundo Colombo

Logo da Comissão Intermunicipal de Segurança Pública - Cisp

A CISP – Comissão Intermunicipal de Segurança Pública, representada pelos Poderes Executivo e Legislativo, Conselhos de Segurança, Entidades e Sociedade Civil dos municípios de Camboriú, Balneário Camboriú, Itajaí, Navegantes, Penha, Ilhota e Itapema, foi criada em julho de 2009 com a finalidade de fiscalizar as obras do Complexo Penitenciário do Vale do Itajaí e debater o tema segurança pública de forma regional, reunindo dados das cidades participantes e debatendo as principais necessidades. Munidos das informações recolhidas a cada encontro o objetivo da CISP é sugerir e reivindicar, contribuindo na busca de uma solução para os crescentes problemas vivenciados pela nossa população.

Sabemos que o tema Segurança Pública é pauta prioritária em todo o país, e se tornou uma das principais frentes do Governo. Mas a região da AMFRI, do qual estamos inseridos, possui hoje 555.635 mil moradores* e 368.589 mil eleitores*, representados por 105 Vereadores. A região é destaque pelo desenvolvimento turístico e pelo crescimento nas áreas pesqueira, portuária e industrial, e soma um PIB de mais de 14 bilhões**. Baseados nestes expressivos números, em parceria com o Parlamento da AMFRI (PARLAAMFRI), que representa 11 municípios, solicitamos especial atenção quanto aos problemas enfrentados pelas polícias militar e civil, que garantem a segurança da nossa gente.

Os efetivos das polícias há anos não acompanham o crescimento populacional dos nossos municípios. A insuficiência de policiais nas ruas só tem contribuído para a disseminação da violência. Por isso solicitamos o aumento do efetivo das Polícias Militar e Civil para a região da AMFRI; e a reestruturação do plano de cargos e salários para a Polícia Militar e Civil.

Também encaminhamos anexo carta de reivindicações da APRASC, Associação dos Praças de Santa Catarina, que tem participado das reuniões da CISP e contribuído com a experiência de quem atua na área.

Ressaltamos que a CISP tem o intuito de contribuir, de colaborar, de trabalhar em parceria com o Governo em prol de ações preventivas para o desenvolvimento da segurança pública, tão desejada pela sociedade.

No aguardo de um posicionamento até o dia 30 de novembro próximo, agradecemos a atenção e nos colocamos à disposição.

Respeitosamente,

SUSI BELLINI, Presidente da CISP e DÃO KOEDDERMANN Presidente Do Parlaamfri

* Dados baseados no Censo 2011

** Dados baseados no Censo 2008

Ofício encaminhado com cópia para:

  • Secretária de Estado de Justiça e Cidadania – Ada de Luca
  • Secretário de Estado de Segurança Pública – Cesar Augusto Grubba
  • Delegado Geral da Polícia Civil de Santa Catarina – Aldo Pinheiro D´Ávila
  • Comandante-Geral Polícia Militar de Santa Catarina – Coronel PM Nazareno Marcineiro

 

Vereadores

A Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú, através dos seus parlamentares apoia o Ofício nº 013/2011 da CISP endereçado ao Governador do Estado, Raimundo Colombo, solicitando reivindicações para as Polícias Militar e Civil. Assinaram os vereadores: Asinil Medeiros – PR, Claudir Maciel – PPS, Dão Koeddermann – PSDB, João Miguel (Tatá) – PSDB, José Carlos Hannibal – PP, Marcos Augusto Kurtz – PMDB; Moacir Schmidt – PSDB, Orlando Angioletti Júnior – DEM, Roberto Júnior de Souza – PMDB e Silvia de Mello – PSDB.

A Câmara de Vereadores de Itajaí, através dos seus parlamentares apoia o Ofício nº 013/2011 da CISP endereçado ao Governador do Estado, Raimundo Colombo, solicitando reivindicações para as Polícias Militar e Civil. Assinaram os vereadores: Antônio Aldo da Silva – PP, Douglas Cristino da Silva – PSD, Elói Camilo da Costa – PMDB, Laudelino Lamim – PMDB, Luiz Carlos Pissetti – DEM, Marcelo Werner – PcdoB, Maurílio Moraes – PSD, Níkolas Reis Moraes dos Santos – PT, Paulinho Amândio – PDT, Renato Ribas Pereira – PSD, Susi Bellini – PP e Vanderley Dalmolin – PP.

A Câmara de Vereadores de Balneário Piçarras, através dos seus parlamentares apoia o Ofício nº 013/2011 da CISP endereçado ao Governador do Estado, Raimundo Colombo, solicitando reivindicações para as Polícias Militar e Civil. Assinaram os vereadores: Ademar de Oliveira – PMDB, Antônio João Pera – PMDB, Flávio Tironi – DEM, Gercino Medeiros – PP, Ivo Alvaro Fleith – PSDB, Júlio César Teixeira – PP, Márcio Koche – PP, Maurino da Cunha – PSDB, Osmar Francisco Pedroso – PMDB.

A Câmara de Vereadores de Bombinhas, através dos seus parlamentares apoia o Ofício nº 013/2011 da CISP endereçado ao Governador do Estado, Raimundo Colombo, solicitando reivindicações para as Polícias Militar e Civil. Assinaram os vereadores: Leopoldo Teixeira – PMDB, Aldori José de Melo – PT, Edson Tridapalli – DEM, Euclides Machado Garcia Filho – PSC, Jair José da Silva – PPS, Marcos Chagas Perrone – PP, Maria de Fátima Espinosa da Silva – PDT, Maria Júlia Emílio – PSDB e Silvio Sasaki – PSDB.

A Câmara de Vereadores de Camboriú, através dos seus parlamentares apoia o Ofício nº 013/2011 da CISP endereçado ao Governador do Estado, Raimundo Colombo, solicitando reivindicações para as Polícias Militar e Civil. Assinaram os vereadores: Alcione Teixeira (Curru) – PSDB, Altair Potaldi (Taico) – PSDB, Amilton Bianchet (Mito) – PSDB, Jane Steffen – PSB, Claudinei Loos – PMDB, Eduardo Melo Rebelo (Dado) – PMDB, Henrique Bertoldi – PP, José Rodrigues Pereira  (Zé Branco) – PSB, Marcio Aquiles da Silva (Marcio Kido) – PSC e Osvandir Cordeiros (Wander) – PSDB.

A Câmara de Vereadores de Ilhota, através dos seus parlamentares apoia o Ofício nº 013/2011 da CISP endereçado ao Governador do Estado, Raimundo Colombo, solicitando reivindicações para as Polícias Militar e Civil. Assinaram os vereadores: José Antônio Lessa, PDT – Rogênio Luiz – PSDB, Ricardo Alexandre Freitas – PP, Vanildo Reichert – PMDB, Luiz Peixe – PDT, Carlos Henrique (Calinho) – PMDB, Lavino Miguel Nunes – PMDB, Ilário Pelz – PP e Roberto Prebianca – PP.

A Câmara de Vereadores de Itapema, através dos seus parlamentares apoia o Ofício nº 013/2011 da CISP endereçado ao Governador do Estado, Raimundo Colombo, solicitando reivindicações para as Polícias Militar e Civil. Assinaram os vereadores: Alvionei Tridapalli (Nei da Saúde) – PP, Beloni da Silva – PT, Carlos Eduardo Vieira – PMDB, Giliard Reis – PMDB, Luiz Carlos Vieira – PT, Mauro Hercílio – PPS, Nilza Simas Ribeiro – PTB, Rodrigo Costa (Bolinha) – PSDB e Vânio César Vieira – PT.

A Câmara de Vereadores de Luis Alves, através dos seus parlamentares apoia o Ofício nº 013/2011 da CISP endereçado ao Governador do Estado, Raimundo Colombo, solicitando reivindicações para as Polícias Militar e Civil. Assinaram os vereadores: Eder Guedert – PMDB, Ademir Francisco Rosa da Silva – PMDB, Edemir Floriani – PMDB, Flávio Márcio da Silva – PSDB, Gelásio Schmitt – PSDB, Juracir Ildefonso Hess – PMDB, Reinvald José Tiedt – PMDB, Saulo Bras Will – PSDB e Vicente da Costa – PMDB.

A Câmara de Vereadores de Navegantes, através dos seus parlamentares apoia o Ofício nº 013/2011 da CISP endereçado ao Governador do Estado, Raimundo Colombo, solicitando reivindicações para as Polícias Militar e Civil. Assinaram os vereadores: Fredolino Alfredo Bento – PMDB, Norma Espíndola – PR, Alcídio Reis Pera – PMDB, Marcos Paulo da Silva – PT, Donizete José da Silva – PSL, Maria José Flor – PMDB, Ezequiel Antero Rocha Júnior – PMDB, João Batista da Silva – PSDB, Evandro Argenton – PSDB e Waldecir Antônio Custódio – PSDB.

A Câmara de Vereadores de Penha, através dos seus parlamentares apoia o Ofício nº 013/2011 da CISP endereçado ao Governador do Estado, Raimundo Colombo, solicitando reivindicações para as Polícias Militar e Civil. Assinaram os vereadores: José Antônio Bastos – DEM, Claudinei Ruduitte Pressi – PSDB, Jefferson Ademir Custódio – PSDB, Cleiby Darossi – PTB, Aquiles José Schneider da Costa – PMDB, Benjamin Duarte da Silva Neto – PMDB, Jesuel Francisco Capela – PSDB, Rogério Pedro Gomes – DEM e Sérgio Mello – PMDB.

A Câmara de Vereadores de Porto Belo, através dos seus parlamentares apoia o Ofício nº 013/2011 da CISP endereçado ao Governador do Estado, Raimundo Colombo, solicitando reivindicações para as Polícias Militar e Civil. Assinaram os vereadores: Emerson Luciano Stein – DEM, Ailton Nickel de Souza – PSB, Altino Torquato Júnior – PMDB, Charles Silvestre Marques – PTB, Eduardo Prado – PP, Elias Cabral – PSDB, Estevão Bertemes Guerreiro – PT, João Paulo Serpa – PP e Joel Orlando Lucinda – PTB.

Assessoria da Juventude promoverá festival de música eletrônica

e-Flyer Day Party [Festival de Música Eletrônica]

Ilhota promove encontro de DJs em trio elétrico

Um festival de música eletrônica num trio elétrico de graça, em Ilhota? Isto mesmo. O I Day Party (Encontro de DJs) acontecerá no dia 13, das 14h às 22h, na praça em frente a prefeitura de Ilhota. Ao todo, cinco DJs, sendo dois da cidade, subirão ao palco. O evento é uma promoção da Assessoria da Juventude.

Segundo o organizador Dialison Cleber Vitti, que também cuida do Ilhota Rock Festival, a intenção é promover a interatividade do público jovem com estilos e conceitos diversificados. “Assim poderemos envolver todos os grupos nas políticas do município, ampliando a pluralidade dos gostos e costume, tornando a capital catarinense da moda íntima e praia mais musical”.

Na próxima semana, Ilhota e as cidades vizinhas receberão flyers e cartazes de divulgação. O marketing também será feito através das mídias sociais, pelo Twitter @juventudeilhota e Facebook da Prefeitura de Ilhota e Assessoria da Juventude. “Quero agradecer aos apoiadores que acreditaram no projeto, bem como ao vereador Calinho que articulou a vinda do trioelétrico, que fará toda sonorização. Também agradecemos a ajuda do deputado federal Mauro Mariani”.

O evento ainda conta com o apoio da Fundação Cultural de Ilhota, 128bpm, Street Sound, Leko’s Lanches e Digo Motos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

DJs

Serviços:

  • Nome do evento: Day Party – Encontro de DJs.
  • Quem toca: 5 Djs [dois de Ilhota e três de fora] Jack Cheler, Danee, Eduardo Tuti, Antony Well, Nostalgic Dream (Denner).
  • Som: Será num Trio Elétrico.
  • Local: Praça Central/Ilhota.
  • Custo: Gratuito.
  • Realização: Prefeitura de Ilhota e Assessoria da Juventude.
  • Apoio: Fundação Cultural de Ilhota, 128bpm, Street Sound, Leko’s Lanches e Digo Motos.
  • Informações:

[Não haverá venda de bebidas alcoólicas no local do evento]

Confira a classificação em nossos releases.

Vereador Calinho e a política nossa de cada dia

O Verador Calinho do PMDB é um dos poucos em Ilhota que merece o respeito no legislativo ilhotense. Ele proporcionou um mandato transparente e de realização. De comportamento simples a moda “minera” de ser, Calinho é o que mais se destacou nesta nova safra de vereadores. Acredito que há outros por ai, mas meus olhos só consegue ver três, e Calinho é um desses.

Calinho tuitou recentemente em seu twitter (@vereadorcalinho) um contato super importante e interessante que me chamou a atenção, e quero expôr aqui em meu blog, o fato de uma parceira que poderá ser prosperar e vingar ótimos frutos com deputado Mauro Mariani (@Mauro_Mariani) do PMDB catarinense. Mauro, pra quem não conhece, mas faço a questão de lembrá-los, foi o campeão de votos na última eleição, foi o deputado federal que recebeu das urnas uma vitória consagradora: foi reeleito com 186.733 votos, a maior votação proporcional da história de Santa Catarina.

O vereador conversou por telefone e logo tuitou, repassando ao parlamentar a situação em que se encontrava, referente as chuvas que envolveu todo Vale do Itajaí. O deputado, segundo Calinho, deixou seu gabinete a disposição do município e estará viabilizando algo, talvez uns recursos, para que possamos se erguer e usar a favor de Ilhota.

A parceria entre Mauro e Calinho é uma aliança que já trouxe muitos resultados e benéficos a Ilhota. Tempos atrás, Calinho veio dirigindo um Caminhão Iveco e o prefeito, rebocou um Retroescavadeira, maquinários que passaram a fazer parte do patrimônio do município, totalizando 1/2 milhão de reais.

É isso gente. Calinho é esse cara que come quieto!

LEO Clube pode se instalar em Ilhota

Um LEO Clube na cidade de Ilhota. Esta é a intenção da Assessoria da Juventude da Prefeitura, que esteve em contato com a diretoria do Lions Clube de Balneário Camboriú na última semana.

Um LEO Clube na cidade de Ilhota. Esta é a intenção da Assessoria da Juventude da Prefeitura, que esteve em contato com a diretoria do Lions Clube de Balneário Camboriú na última semana. Segundo o assessor Dialison Cleber Vitti, a ideia foi bem aceita pela diretoria do grupo.

O objetivo do LEO Clube é ampliar as ações sociais da juventude em diversas áreas, evitando, com este trabalho que os jovens ingressem pelo caminho dos vícios e das drogas. “O Lions é o maior grupo de serviço voluntário juvenil do planeta, sendo composto por jovens com faixa etária de 12 a 30 anos.

As sedes, que existem em quase 140, países do mundo e realizam atividades em prol da cultura, cidadania, ampliando seus conhecimentos e horizontes através da dedicação ao serviço filantrópico, reunindo atualmente mais de 144 mil pessoas”, explica Vitti.

O movimento conta com cerca de 13 mil associados, espalhados em mais de 400 unidades em todo o país . “Durante o encontro, a entidade fez lembrar da ajuda que o Lions deu à cidade de Ilhota durante a catástrofe natural que ocorreu em novembro de 2008.

A entidade foi homenageada com o nome de “Vila Lions”, lugar onde foram construídas as casas doadas pela instituição”, comenta o vereador Calinho (PMDB), que também participou do encontro.

Fonte: Jornal Metas.

Assessor da Juventude participa de reunião da CISP

Assessor da Juventude participa de reunião da CISP

O assessor para assuntos da juventude, Dialison Cleber Vitti, juntamente com o vereador Calinho, participou na última quarta-feira (18) de uma reunião da Comissão Intermunicipal de Segurança Pública da Foz do Rio Itajaí Açú. Na pauta estavam assuntos como o andamento da obra da penitenciária, a entrega do abaixo assinado solicitando aumento do efetivo e construção de um CIP/CER na região e o atual estágio do Consórcio Intermunicipal de Segurança Pública.

Os principais encaminhamentos, segundo Dialison, dizem respeito a realização de audiências com todos prefeitos da região na sede da Amfri sobre a consolidação do Consórcio Intermunicipal de Segurança e o apoio da comissão nas funcionalidades dos Gabinete de Gestão Integrada Municipal – GGIM. “O Gabinete de Gestão Integrada Municipal é um canal de conexão de todos os órgãos de segurança pública das três esferas de governo que atuam em um município. Como a lógica de composição e campo de atuação do GGIM é o limite territorial do município, para dinamizar, ele está conectado diretamente ao gabinete do prefeito, sendo este o responsável por convocar as reuniões do órgão”.

Conforme Dialison, o GGIM organizará atividades que levarão ao debate da segurança pública no município. “Além disso, equipes multidisciplinares atuarão junto ao Pronasci para fomentar o gabinete de informações e identificar os projetos do Pronasci que podem ser implementados nos municípios”.

A próxima reunião acontecerá no dia 01 de junho, em Itajaí.

Sobre a CISP

A Comissão Intermunicipal de Segurança Pública foi instituída no dia 13 de julho de 2009, durante uma audiência pública para debater a criação da Guarda Municipal na Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú. Inicialmente, a comissão era composta por representantes dos municípios de Itajaí, Balneário Camboriú e Camboriú e tinha seu foco voltado para cobrar a agilidade do poder público na construção do Presídio Regional e da Delegacia do Monte Alegre em Camboriú.

Com o passar do tempo os encontros foram se intensificando e as ações ganharam forma através da representatividade de outros municípios com a adesão do Parlaamfri, o Parlamento da Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí-Açu, como Ilhota.

Comissão de segurança se reúne na Câmara de Vereadores de Camboriú

Pauta:

  • Andamento da obra da Penitenciária;
  • Entrega do abaixo assinado solicitando aumento do efetivo e construção de um CIP/CER na região, para que os membros possam recolher as assinaturas; e
  • Andamento do Consórcio Intermunicipal de Segurança Pública.

Nesta quarta-feira (18), a Comissão Intermunicipal de Segurança Pública da Foz do Rio Itajaí Açú, reuniram-se no município de Camboriú. O encontro teve início às 9h, no plenário da Câmara de Vereadores do município e contou com a presença de representantes de entidades organizadas da cidade, vereadores da região, OAB, Consegs, Polícia Militar além dos vereadores de Camboriú e o vereador de Balneário Camboriú e Presidente da Parlaamfri Dão Koedderman. Ilhota teve representado pelo representante do executivo Dialison Cleber Vitti e do legislativo Vereador Calinho.

Na pauta principal a prevenção da criminalidade, aumento de efetivo, criação do Cip e ações sócios educativas para o jovem e o adolescente das cidades da região foram assuntos debatidos.

Santiago Návia, presidente da Comissão e o vereador Zé Branco conduziram os trabalhos.

O vereador Zé Branco de Camboriú abriu o debate e focou em ações e programas de reestruturação familiar, projetos sociais que envolvam as crianças e jovens é de suma importância para uma sociedade mais tranquila e segura.

O presidente da Federação dos Conselhos de Segurança de Santa Catarina (Feconseg) Valdir de Andrade defendeu a urgência no investimento em projetos de prevenção.

O mesmo assunto foi defendido e classificado por unanimidade no encontro.

Outro assunto incluído também na pauta foi o questionamento Associação dos oficiais militares do estado quanto à implantação e atuação da guarda municipal de Balneário Camboriú.

Dão Koeddermann classificou o tema e a transferência do Tenente Coronel Claudio Koglin, que deixa o 12º Batalhão, como uma ingerência e uma atitude descabível.

A próxima reunião da Comissão ficou agendada para o dia 01 de junho na cidade de Itajaí.

Foram aprovadas duas importantes encaminhamentos, sendo uma delas, as aprovação do abaixo-assinado, audiências com todos prefeitos da região na sede da Amfri sobre a consolidação do Consórcio Intermunicipal de Segurança.

Também foram discutida o apoio da Comissão nas funcionalidades dos Gabinete de Gestão Integrada Municipal – GGIM e a constituição nos demais municípios de que são legalmente constituídas dos demais municípios. O Gabinete de Gestão Integrada Municipal – GGIM é um canal de conexão de todos os órgãos de segurança pública das três esferas de governo que atuam em um município. Como a lógica de composição e campo de atuação do GGIM é o limite territorial do município, para dinamizar, ele está conectado diretamente ao gabinete do prefeito, sendo este o responsável por convocar as reuniões do GGIM.

“O GGIM organizará atividades que levarão ao debate da segurança pública no município. Além disso, equipes multidisciplinares atuarão junto ao Pronasci para fomentar o Gabinete de informações e identificar os projetos do Pronasci que podem ser implementados nos municípios”. Complemento dizendo “que estaremos presenteando a proposta ao prefeito Ademar Felisky nos próximos dias para que ilhota faça a criação do GGIM no município”, afirmou o representante da prefeitura na comissão, Dialison Cleber Vitti.

A Cisp

A Comissão Intermunicipal de Segurança Pública foi instituída no dia 13 de Julho de 2009, durante uma audiência pública para debater a criação da Guarda Municipal na Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú. Inicialmente a Comissão era composta por representantes dos Municípios de Itajaí, Balneário Camboriú e Camboriú e tinha seu foco voltado para cobrar a agilidade do Poder Público na construção do Presídio Regional e da Delegacia do Monte Alegre em Camboriú.

Com o passar do tempo os encontros foram se intensificando e as ações ganharam forma através da representatividade de outros municípios com a adesão do Parlaamfri, o Parlamento da Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí-Açu. A comissão atualmente também está empenhada na implantação do Consórcio Intermunicipal de Segurança Pública em uma iniciativa inédita em Santa Catarina.

“Precisamos somar forças para seguir avançando, muitas já foram as vitórias, porém, a Penitanciária ainda não foi inaugurada, faltam policiais nas delegacias e batalhões, os jovens em conflito com a Lei estão se tornando criminosos perigosos, sem contar os estupros, assaltos e outros crimes que estão destruindo a nossa sociedade. Vamos continuar lutando, a CISP sem dúvida é uma ferramenta de luta e você é fundamental nesse processo”, Santiago Martin Navia, presidente da CISP.

Calendários das  reunião do primeiro semestre:

  • 01 de junho: Itajaí (Câmara de Vereadores) as 9h00;
  • 15 de junho: Navegantes (Câmara de Vereadores) as 9h00;
  • 29 de junho: Ilhota (Câmara de Vereadores) as 9h00.